16/1/21
 
 
Número de internados com covid-19 sofreu aumento significativo nas últimas 24 horas

Número de internados com covid-19 sofreu aumento significativo nas últimas 24 horas

jornal i 08/11/2020 15:12

Foi na região Norte onde se registou mais óbitos e infeções desde ontem. 

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 48 mortes por covid-19 e 5.784 infeções. Depois de dois dias seguidos onde foram atingidos dois máximos diários desde o início da pandemia no que toca ao número de casos, em que no sábado foram registados mais de seis mil novas infeções, este domingo marca uma descida ligeira no número diário de casos e óbitos relacionados com o novo coronavírus - menos 856 novas infeções e menos oito vítimas mortais relacionadas com o vírus. De acordo com o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) deste domingo, o país soma agora, desde o início da pandemia, 2.896 óbitos e 179.324 casos confirmados.

Depois de se ter registado uma ligeira descida no sábado, o número de internados com covid-19 volta a disparar: 102 pessoas deram entrada em hospitais portugueses de todo o país nas últimas 24 horas, elevando o número total de pessoas infetadas hospitalizadas para 2.522. Mais 12 pessoas foram internadas nos cuidados intensivos, totalizando neste momento 378 pessoas a necessitarem de cuidados urgentes. Por outro lado, foram confirmadas mais 2034 recuperações, elevando o total de recuperados sobe para 99.781.

A região Norte continua a ser a região com maior número de novos casos e registou mais de 3.00 infeções diárias nas últimas 24 horas - foram confirmados mais 3.923 casos de covid-19 desde ontem. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo com mais 1.073 infetados, o Centro com 590, o Algarve com 74 e o Alentejo com 91. A Madeira confirmou mais 13 diagnósticos de covid-19 e os Açores mais 20.

Dos 48 óbitos, 27 ocorreram no Norte, 14 na região de Lisboa e Vale do Tejo, o centro conta com mais 4 vítimas mortais, 2 no Alentejo e uma no Algarve. As ilhas não têm óbitos a registados desde ontem. 

Há, neste momento, 76.647 casos ativos de infeção no país e 90.506 contactos em vigilância pelas autoridades de Saúde. 

Veja o boletim na íntegra aqui. 

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×