21/9/20
 
 
Governo determina à Proteção Civil abertura de inquérito ao fogo no Gerês. Espanha vai investigar acidente com Canadair

Governo determina à Proteção Civil abertura de inquérito ao fogo no Gerês. Espanha vai investigar acidente com Canadair

AFP Jornal i 08/08/2020 18:42

Inquérito ao acidente do Canadair é responsabilidade de Espanha, uma vez que ocorreu em território espanhol.

O Ministério da Administração Interna (MAI) determinou, este sábado, à Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) a abertura de um inquérito ao incêndio que deflagrou no Parque Nacional da Peneda-Gerês, avança a agência Lusa, que cita fonte ligada ao MAI.

De realçar que, durante o combate às chamas, uma aeronave portuguesa acabou por se despenhar, resultando na morte do piloto. O copiloto ficou gravemente ferido.

De acordo com a agência noticiosa, o inquérito ao acidente do Canadair é responsabilidade de Espanha, uma vez que ocorreu em território espanhol. Fonte do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) explicou que são as autoridades espanholas que têm a responsabilidade e a competência para desenvolver a investigação. Na altura, o organismo deslocou uma equipa para o local porque não sabia que o incidente não tinha ocorrido em território português. Contudo, está a colaborar na investigação.

Recorde-se que o avião, anfíbio pesado (Canadair CL215), do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais, sofreu um acidente na Barragem do Alto do Lindoso, na sequência de uma operação de scooping. O alerta para o acidente foi dado pelas 11h16.

A aeronave, do Centro de Meios Aéreos de Castelo Branco, participava nas operações de combate a um incêndio.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×