15/12/19
 
 
Orçamento do Estado angolano “cresce” para inverter ciclo de crescimento negativo

Orçamento do Estado angolano “cresce” para inverter ciclo de crescimento negativo

Jornal i 19/11/2019 12:09

Proposta prevê um crescimento real do PIB de 1,8%.

A Assembleia Nacional de Angola vai discutir e votar, nesta terça-feira, a proposta de Orçamento Geral do Estado para 2020. O relatório já foi aprovado, por unanimidade nas comissões especializadas e, hoje, é votado na generalidade.

A proposta está avaliada em 15,97 biliões de kwanzas (31,3 mil milhões de euros), o que representa um aumento de 53,5% em relação ao Orçamento Geral do Estado de 2019, revisto, em junho, em 10,407 biliões de kwanzas (20,3 mil milhões de euros). O documento prevê uma taxa de inflação de 25% e um crescimento real do produto interno bruto (PIB) de 1,8%.

A proposta final global para 2020 prevê o aumento das receitas e das despesas, em comparação com o ano transato, com valores idênticos e estimados perto dos 30 mil milhões de euros. Da receita prevista, cerca de metade será direcionada para pagar a dívida pública situada nos 90% do PIB.

A economia angolana encontra-se em recessão desde 2016, situação que se tem vindo a repetir nos últimos anos. A previsão mais optimista do Governo para 2020 assenta na riqueza gerada pelo setor petrolífero. O executivo de Luanda antecipa que o preço do barril do petróleo desça para os 65,73 dólares (68 dólares em 2019), mas, ainda assim, mantém o objetivo de tirar a economia “do campo negativo de crescimento”.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×