19/04/2024
 
 
Os visionários do Silicon Valley. O percurso de Sam Altman e Peter Thiel

Os visionários do Silicon Valley. O percurso de Sam Altman e Peter Thiel

Maria Moreira Rato 18/04/2023 16:22

Sam Altman e Peter Thiel são dois empresários e investidores de destaque no cenário da tecnologia e dos negócios nos EUA. Juntos, com a ajuda de Elon Musk, criaram a OpenAI, uma organização de pesquisa em inteligência artificial que levou a cabo a criação do ChatGPT.

Sam Altman do interesse pela programação à fundação da openai

Nascido a 22 de abril de 1985 em Chicago, Altman cresceu em St. Louis, no Missouri. Desde cedo interessou-se por programação, desenvolvendo jogos para computador.

O mundo da tecnologia e do empreendedorismo é marcado por nomes influentes e Sam Altman é um deles. O empresário e investidor norte-americano é conhecido por ter co-fundado a startup de tecnologia de localização Loopt e igualmente por ter sido o presidente da startup Y Combinator. Os seus insights e opiniões sobre as tendências do setor são frequentemente citados, tornando-o uma figura importante no mundo da tecnologia. Por exemplo, no MIT, na semana passada, explicou:_“Acho que estamos no fim da era dos modelos de IA gigantes. Vamos torná-los melhores de outras maneiras”.

Nascido a 22 de abril de 1985 em Chicago, nos EUA, Altman cresceu em St. Louis, no Missouri. Desde cedo, interessou-se por programação, desenvolvendo jogos para computador. Em 2007, formou-se na Universidade de Stanford com um diploma em Ciência da Computação. Foi em 2005 que Altman co-fundou a Loopt, aos 20 anos de idade.

Esta constituiu uma das pioneiras no uso da tecnologia de localização em smartphones, permitindo que os utilizadores partilhassem a sua localização em tempo real com amigos e familiares. A empresa foi bem-sucedida, tendo recebido mais de 30 milhões de dólares (o equivalente a 27,47 milhões de euros) em financiamento e sendo adquirida pela Green Dot Corporation em 2012. Volvidos dois anos, Altman assumiu o cargo de presidente da Y Combinator, uma das aceleradoras de startups mais bem-sucedidas do mundo. Durante o seu mandato, orientou centenas de empresas de tecnologia nos seus estágios iniciais, ajudando a expandir a Y Combinator e criando um programa de aceleração adicional para startups mais maduras.

Após quatro anos na presidência da Y Combinator, Altman deixou o cargo para se concentrar noutras atividades. Deste modo, fundou a OpenAI, uma organização de pesquisa em inteligência artificial sem fins lucrativos, e tornou-se um investidor em tecnologia, investindo em várias empresas iniciantes de tecnologia.

Altman também é conhecido pela sua posição em várias questões políticas e tecnológicas importantes. Ele é um defensor do rendimento básico universal, uma política que garantiria um salário mínimo para todos os cidadãos, independentemente de emprego ou status financeiro. Ele também apoiou a candidatura do democrata Andrew Yang à presidência em 2020, que defendia o rendimento básico universal como uma política central.

Como investidor de tecnologia, Altman tem sido extremamente bem-sucedido, investindo em empresas como Airbnb, Stripe e Reddit. Ele é um dos sócios da OpenAI, que tem como objetivo criar inteligência artificial segura e ética para o benefício da humanidade. É igualmente um palestrante frequente em conferências de tecnologia e empreendedorismo, partilhando a sua experiência e opiniões sobre o setor. É um escritor prolífico, tendo publicado artigos em várias publicações, incluindo o blog da Y Combinator e o Medium.

 

Peter Thiel a trajetória do empresário, investidor e filantropo americano

Thiel nasceu em Frankfurt, Alemanha, a 11 de outubro de 1967. Estudou Filosofia na Universidade Stanford, onde conheceu o cofundador do PayPal, Max Levchin.

Além de Sam Altman, Peter Thiel – que tem vindo a ser denominado de ‘Homem do Renascimento’ devido aos seus gostos variados – é outro empresário, investidor e filantropo americano que se tornou conhecido pela sua carreira bem-sucedida no mundo da tecnologia. E, no seu caso, pelo papel que desempenhou na criação do PayPal e na investidora de capital de risco, a Founders Fund. Thiel é uma figura controversa, tendo opiniões fortes sobre política e cultura, e também pela sua defesa de empresas que desafiam as normas regulatórias.

Thiel nasceu em Frankfurt, Alemanha, a 11 de outubro de 1967, mas cresceu em Foster City, no estado norte-americano da Califórnia. Estudou Filosofia na Universidade Stanford, onde conheceu o cofundador do PayPal, Max Levchin. Há 25 anos, Thiel co-fundou a Confinity, uma empresa que criou um sistema de pagamentos online, que posteriormente se tornaria o PayPal.

O PayPal transformou-se numa das primeiras empresas a fornecer serviços de pagamento eletrónico em larga escala e foi um sucesso imediato. Em 2002, a empresa foi adquirida pelo eBay por 1,5 mil milhões de dólares (o equivalente a 1,37 mil milhões de euros). Após a venda do PayPal, Thiel tornou-se um investidor de capital de risco, fundando a Founders Fund em 2005.

A Founders Fund investiu em algumas das empresas mais bem-sucedidas da última década, incluindo Facebook, SpaceX e Airbnb. A filosofia de investimento da empresa é focada em empresas que tentam fazer grandes avanços em áreas como tecnologia, saúde e transporte. Além do seu sucesso como empresário e investidor, Thiel é conhecido pela sua posição política e cultural única. Ele é um defensor do livre mercado e da liberdade individual e é crítico das regulamentações governamentais, especialmente em relação às empresas de tecnologia. Também é conhecido pela sua crença de que a tecnologia deve ser usada para alcançar objetivos maiores, como a conquista do espaço e a cura de doenças graves.

Também apostou na literatura e, por isso mesmo, publicou a obra ‘Zero to One: Notes on Startups, or How to Build the Future’, em 2014, sendo coautor do livro com Blake Masters. “Muitas pessoas consideram-no um dos livros de negócios mais importantes dos últimos tempos. O livro oferece insights excelentes e pouco ortodoxos sobre a construção de empresas e da vida”, refere a Future Startup, salientando algumas das citações mais marcantes que podem ser encontradas neste livro. “ZERO A UM A CADA MOMENTO NOS NEGÓCIOS acontece apenas uma vez. O próximo Bill Gates não construirá um sistema operacional. O próximo Larry Page ou Sergey Brin não será um mecanismo de busca. E o próximo Mark Zuckerberg não criará uma rede social. Se está a copiar estes homens, não está a aprender com eles”, terá frisado. Thiel tem sido uma figura polémica, especialmente em relação às suas opiniões sobre política. Ele apoiou o candidato republicano Donald Trump na eleição presidencial de 2016 e foi criticado por muitos no Silicon Valley. Em 2019, Thiel também chamou a atenção dos media quando foi relatado que ele havia financiado uma startup que trabalhava na criação de tecnologia de reconhecimento facial para uso em segurança e policiamento.

Thiel também é conhecido pela sua filantropia, tendo doado milhões de dólares para causas como a educação e o combate à pobreza. Fundou a Thiel Foundation, que oferece bolsas de estudo a jovens empreendedores que desejam criar empresas inovadoras.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline