26/1/21
 
 
Já morreram seis pessoas infetadas com legionela no Norte do país

Já morreram seis pessoas infetadas com legionela no Norte do país

jornal i 10/11/2020 16:45

Já foram infetadas 64 pessoas no país com a doença.

O surto de legionella que teve origem em Vila do Conde, na Póvoa de Varzim e em Matosinhos já provocou a morte de seis pessoas. A doença já infetou 64 pessoas, segundo declarações da diretora-geral da saúde, Graça Freitas na conferencia de imprensa desta segunda-feira. Segundo o Jornal de Notícias, a vítima mortal mais recente foi um homem que morreu, esta terça-feira, no Hospital Pedro Hispano. 

Segundo fonte oficial do Centro Hospitalar Póvoa de Varzim, citada pelo Observador, foram diagnosticados 21 casos de legionella, nas últimas 24 horas. O número de internados subiu também para 13, sendo que esta segunda-feira estavam internados 11 doentes com legionella. 

No Hospital Pedro Hispano foram diagnosticados 35 casos de legionella entre os dias 30 de outubro e 10 de novembro, dois dos quais foram registados nas últimas 24 horas. Também na ULS de Matosinhos foi confirmado mais um caso do vírus, elevando o número total de infetados para 18 na unidade de saúde. 

A Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte está a tentar averiguar a origem do surto, juntamente com as unidades de saúde locais de Póvoa/Vila do Conde e de Matosinhos, mas até ao momento não chegou a nenhuma conclusão. Segundo o Jornal de Notícias, o mais provável é o primeiro contágio ter ocorrido numa torre de refrigeração entre o sul do concelho de Vila do Conde e o norte de Matosinhos. 

 

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×