13/4/21
 
 
Ex-seguranças do Urban Beach foram condenados por homicído na forma tentada

Ex-seguranças do Urban Beach foram condenados por homicído na forma tentada

Bruno Gonçalves jornal i 07/06/2019 12:45

O caso remota à madrugada de 1 de novembro de 2017, em que dois homens foram agredidos com violência por parte dos seguranças.

Os três ex-seguranças da discoteca Urban Beach que agrediram dois homens na madrugada de 1 de Novembro de 2017 à porta da discoteca foram condenados por homicídio na forma tentada esta sexta-feira.

O tribunal condenou Pedro Inverno a cinco anos e seis meses de prisão efetiva e João Ramalhete e David Jardim a cinco anos e quatro meses.

A presidente do coletivo de juízes, Catarina Pires afirmou, citada pela agência Lusa, que os arguidos "não manifestaram arrependimento e demonstraram fraco juízo crítico "tendo em conta a "atuação criminosa provada" adotada pelos ex-seguranças, e que é visível num vídeo das agressões. 

"O tribunal ficou convicto da veracidade das declarações prestadas pelos assistentes [as duas vítimas], pelas testemunhas que assistiram aos factos, e não fez fé nas declarações prestadas pelos senhores arguidos nem pelas testemunhas que aqui relataram uma versão dos factos que se afastou daquilo que realmente se passou", explicou a presidente. 

Um dos arguidos encontrava-se em prisão preventiva devido ao caso do processo do grupo de motociclistas “Hells Angels”, enquanto os outros dois estavam em liberdade, mas com proibição de contactos com os ofendidos e coarguidos, e do exercício da atividade de segurança 

 

 

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×