21/9/19
 
 
Lula recebe carta de apoio do Papa

Lula recebe carta de apoio do Papa

Jornal i 01/06/2019 15:41

Papa Francisco envia carta em solidariedade com o ex-Presidente brasileiro, Lula Inácio da Silva. No documento, lamenta a morte de familiares próximos e pede-lhe para continuar a ter fé.

«A verdade vencerá a mentira e a Salvação vencerá a condenação», escreveu o Papa Francisco em resposta a uma carta de Lula da Silva. O teor da missiva do pontífice foi  divulgado pelo antigo chefe de Estado brasileiro no seu site.

O líder histórico do Partido dos Trabalhadores tinha escrito ao Papa no dia 29 de março, agradecendo o esforço de Francisco para a defesa dos direitos dos mais pobres, relatando, ao mesmo tempo, a sua avaliação da situação política que o Brasil atravessa.

Na resposta, Francisco não menciona a situação judicial do ex-Presidente brasileiro, atualmente na prisão, mas solidariza-se com as «duras provas» por que o político tem passado, «especialmente» as recentes perdas familiares, nomeadamente a esposa, o irmão e o neto de sete anos – que morreu este ano. Lula, que cumpre pena desde abril do ano passado, foi impedido pela Justiça Federal de comparecer nos funerais do irmão e do neto. Não obstante, o líder católico pediu ao ex-Presidente brasileiro para não perder a fé e não desanimar, manifestando-lhe «proximidade espiritual».

Por sua vez, o argentino também falou das responsabilidades dos líderes políticos, dizendo ser um «desafio permanente» para aqueles que são eleitos para servir o seu país «proteger as pessoas que habitam nele e trabalhar para criar as condições de um futuro digno e justo». O Papa também afirma a convicção de que a política, «se for implementada no respeito fundamental pela vida, a liberdade e dignidade das pessoas»,  é uma forma de caridade.

 

‘Autoridade zero’

A correspondência entre Francisco e Lula já provocou algumas reações. E nem todas positivas. Olavo de Carvalho, um dos mais influentes pensadores do conservadorismo brasileiro, com ligações próximas ao Presidente Jair Bolsonaro, atirou-se aolíder do Vaticano pelo Twitter «A cartinha do Papa ao Lula tem, sobre os fiéis, autoridade zero. É apenas a opinião de um argentino». Outro grande apoiante do Presidente sul-americano, o empresário Luciano Hang, também se insurgiu contra o Sumo Pontífice: «O Vaticano cheio de problemas, padres molestando crianças, Argentina quebrada e Papa Argentino apoiando o maior corrupto da história do Brasil», escreveu também no Twitter.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×