14/10/19
 
 
“Depois de ser miseravelmente enxovalhado, havia que fazer o possível por preservar a instituição"

“Depois de ser miseravelmente enxovalhado, havia que fazer o possível por preservar a instituição"

Youtube Jornal i 06/03/2019 18:48

Neto de Moura vai deixar de decidir sobre processos de violência doméstica

O juiz Neto de Moura confirmou esta quarta-feira a transferência para uma secção cível do Tribunal da Relação do Porto (TRP) que não analisa processos-crime de violência doméstica.

Em declarações à TSF, Neto de Moura referiu que a decisão foi tomada após uma reunião, esta quarta-feira, e que foi uma “solução consensual”.

“Depois de ser miseravelmente enxovalhado, havia que fazer o possível por preservar a instituição e a solução consensual foi esta", disse o juiz, citado pela mesma estação de rádio.

Nuno Ataíde das Neves, presidente do TRP, citado pela agência Lusa, justifica a transferência do juiz com a "manifesta conveniência de serviço"

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×