24/8/19
 
 
"É muita falha, e isso significa que o Estado falhou", refere Marcelo sobre acidente em Valongo

"É muita falha, e isso significa que o Estado falhou", refere Marcelo sobre acidente em Valongo

Mafalda Gomes Jornal i 18/12/2018 14:44

O Presidente questiona a forma como este tipo de falhas afeta a confiança das pessoas perante as instituições

Marcelo Rebelo de Sousa falou esta terça-feira sobre a queda do helicóptero do INEM que, no último sábado, provocou a morte de quatro pessoas. Depois de o relatório apresentado pela Proteção Civil ao Ministério da Administração Interna (MAI) revelar várias falhas, o Presidente da República refere que “muita falha” é sinónimo de que “o Estado falhou”.

“Espero que não se confirme no relatório definitivo aquilo que consta do relatório preliminar. Constam quatro falhas: duas da Navegação Aérea de Portugal (NAV) e duas do 112. É muita falha, e isso significa que o Estado falhou“, disse Marcelo, à margem de um almoço com camionistas.

Para o chefe de Estado, este tipo de falhas afeta a confiança das pessoas relativamente às instituições.

“Se se confirmar aquilo que resulta deste relatório preliminar, são falhas demais de comunicação e tempo demais que resulta dessas falhas. E isso não é bom para a confiança das pessoas nas instituições, porque no fundo é tudo Estado”, acrescentou o Presidente da República.

Desta forma, Marcelo defende que “é preciso apurar” como decorreram os procedimentos e, caso se confirmem estas falhas, “responsabilizar e corrigir”.

Segundo o Presidente, há duas formas de olhar para o sucedido: “uma é banalizar, dizer que isto é um caso que acontece de vez em quando; a outra é levar a sério e acho que deve ser levado a sério porque os portugueses vão perdendo confiança nas instituições“.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×