7/3/21
 
 
Saiu de Portugal porque não conseguia emprego, no Reino Unido é das melhores da sua profissão

Saiu de Portugal porque não conseguia emprego, no Reino Unido é das melhores da sua profissão

Facebook Jornal i 28/10/2018 13:47

Enfermeira portuguesa falava mal inglês quando chegou e hoje estuda para ser diretora de lares de idosos

Uma enfermeira que não conseguiu arranjar emprego em Portugal é, pela segunda vez consecutiva, finalista do prémio de melhor profissional de cuidados de longa duração no Reino Unido.

Sílvia Nunes, de 33 anos, decidiu aventurar-se no Reino Unido, depois de não conseguir arranjar emprego em Portugal logo a seguir a ter concluído o curso de enfermagem 2014.

A enfermeira, segundo a agência Lusa, teve uma ascensão rápida e atualmente encontra-se a estudar para ser diretora de lares de idosos. Sublinhe-se que quando Sílvia Nunes chegou ao país falava mal inglês e não estava habilitada a trabalhar como enfermeira lá.

Agora em 2018 repetiu a proeza de 2017 ao ser nomeada novamente para os 'National Care Awards', a enfermeira foi elogiada por superiores, colegas e residentes do lar de idosos onde trabalha em Thetford, numa localidade 140 quilómetros a nordeste de Londres

"Foi uma surpresa, porque é muito difícil ir pela segunda vez à final. Estar nos cinco melhores do país já é muito bom", admitiu a portuguesa à agência Lusa.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×