25/8/19
 
 
Operação Marquês. João Galamba avisou José Sócrates da investigação

Operação Marquês. João Galamba avisou José Sócrates da investigação

José Sérgio Felícia Cabrita e Joana Marques Alves 02/09/2017 08:51

João Galamba foi avisado por alguém próximo do Governo de Passos Coelho de que havia uma investigação contra Sócrates. ‘Fala com o JS (...) vai ser feito qualquer coisa contra ele muito rapidamente. Se souber algo mais aviso’, foi o sms que Galamba recebeu e reencaminhou a Sócrates.

Fonte próxima do Governo de Pedro Passos Coelho tentou avisar José Sócrates de que estava em curso uma investigação que o visava. O deputado socialista João Galamba foi o elo usado para transmitir a informação.

Em outubro de 2014, um mês antes de Sócrates ser detido no aeroporto de Lisboa, Galamba entrou em contacto com ele.

Diz-lhe ter recebido um sms de uma pessoa próxima do Governo, que lhe pediu para avisar Sócrates de que a Justiça o tinha na mira. E de seguida reencaminhou-lhe a mensagem: «Fala com o JS. Há sururus de que vai ser feito qualquer coisa contra ele muito rapidamente. Se souber algo mais aviso». 

Três meses antes, no último dia de julho, já a revista Sábado noticiara que José Sócrates poderia vir a ser detido para interrogatório no âmbito da Operação Monte Branco, a maior rede de fuga ao fisco e branqueamento de capitais. A notícia era incorreta e acabou por ser desmentida pela PGR. Mas tinha uma base verdadeira. 

Felícia Cabrita e Joana Marques Alves

Continue a ler esta notícia na edição impressa do Sol. Este sábado nas bancas

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×