21/9/18
 
 
Vaticano. Bispos não têm que denunciar abusos sexuais

Vaticano. Bispos não têm que denunciar abusos sexuais

Jornal i 11/02/2016 17:29

A denúncia, segundo o relatório, deve ser feita pela própria vítima ou familiares.

Um relatório divulgado pelo Vaticano avança que os bispos da Igreja Católica não são obrigados a reportar as acusações de abuso de crianças por clérigos à polícia, avançou o The Guardian.

Segundo o relatório, os bispos devem contar os casos de abuso apenas aos seus superiores dentro da Igreja. 

A denúncia à polícia, segundo o relatório, deve ser feita pela própria vítima ou pelos seus familiares.

"Não é necessariamente dever do bispo denunciar suspeitas às autoridades, ou à polícia ou aos procuradores no momento em que toma conhecimento de crimes ou atos pecaminosos", lê-se no relatório que é direccionado, principalmente, aos bispos recém-ordenados.

As orientações foram escritas pelo Monsenhor francês Tony Anatrella, que ocupa também o cargo de consultor no Conselho Pontífice para a Família e do Conselho Pontífice para os Trabalhadores de Cuidados de Saúde do Vaticano.

O documento contradiz assim o Papa Francisco que tinha anunciado há pouco tempo que é preciso ter "tolerância zero" com abusadores sexuais dentro da Igreja.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×