14/11/18
 
 
i/Pitagórica. António Guterres o melhor primeiro-ministro da democracia e Durão Barroso o pior

i/Pitagórica. António Guterres o melhor primeiro-ministro da democracia e Durão Barroso o pior

10/04/2014 00:00
Portugueses consideram António Guterres o melhor primeiro-ministro da democracia e Durão Barroso, Passos Coelho e Santana Lopes os piores

Ao longo do último ano, os portugueses agruparam os sete últimos primeiros-ministros em dois pelotões: o dos três melhores, liderado por António Guterres, e o dos quatro piores que correspondem aos últimos primeiros-ministros portugueses.

Segundo uma sondagem i/Pitagórica, de Março de 2013 a Março de 2014 os portugueses colocaram sempre António Guterres, Cavaco Silva e Mário Soares como os melhores primeiros-ministros da democracia portuguesa. Por outro lado, Durão Barroso, Passos Coelho, José Sócrates e Santana Lopes nunca conseguiram fugir do grupo dos piores.

Em Março deste ano, Guterres confirmou a posição de melhor primeiro-ministro, que manteve durante quase todo o ano em análise. A excepção foi apenas em Maio e Junho de 2013, meses em que Mário Soares ocupou o topo da tabela. Foi nestes meses que o líder histórico do PS deu algumas entrevistas com declarações sobre o estado do país, numa das quais, ao "Público", criticou o presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, e acusou o Governo de Passos Coelho de "não ligar ao país". Em Março, ocupava a posição de segundo melhor primeiro-ministro com 23,9%.

O ex-primeiro-ministro que esteve sempre entre os melhores sem nunca conseguir chegar ao topo foi mesmo Cavaco Silva. O actual Presidente da República ocupa segundo os últimos dados a posição de terceiro melhor primeiro-ministro, com 23,6%.

Segundo esta sondagem i/Pitagórica, Durão Barroso (6,7%) e Passos Coelho (6,8%) e Santana Lopes (6,9%) são os piores entre os piores, numa espécie de empate técnico. José Sócrates aparece como o quarto pior primeiro-ministro português, com 7,7%. De Março a Dezembro de 2013, Durão Barroso foi ainda assim o primeiro-ministro deste segundo grupo que mais se aproximou do topo da tabela, tendo começado a cair para valores idênticos aos de Pedro Santana Lopes e Pedro Passos Coelho.

Ficha técnica

Objectivo: Estudo de opinião realizado pela Pitagórica – Investigação e Estudos de Mercado SA, para o jornal i, entre 25  e 29 de Março de 2014. Foram realizadas entrevistas telefónicas – cati por entrevistadores seleccionados e supervisionados, com o objectivo de conhecer a opinião sobre questões políticas e sociais da actualidade nacional.

Universo: O universo é constituído por indivíduos de ambos os sexos, com 18 ou mais anos de idade, recenseados em Portugal e com telefone fixo ou móvel.

Recolha de informação: Foram validadas 506 entrevistas correspondendo a 70,38% das tentativas realizadas. Foi utilizada uma amostragem por quotas de sexo, idade e distrito: (homens – 239; mulheres – 267; 18-34 anos: 149; 35-54 anos: 188 e 55 ou mais anos: 169; norte: 167; centro 128; lisboa: 126; Alentejo: 38;  algarve: 21 e ilhas: 26). a geração dos números móveis a contactar foi aleatória e a dos números fixos seleccionada aleatoriamente por distrito nas listas telefónicas. Em ambos os casos o entrevistado foi seleccionado de acordo com as quotas estipuladas. No caso da intenção de voto, são considerados 401 inquiridos após tratamento da abstenção. Na projecção de voto os indecisos (18,3%) foram distribuídos de forma proporcional.

Amostra e erro: O erro máximo da amostra é de 4,4%, para um grau de probabilidade de 95,5%. Um exemplar deste estudo de opinião está depositado na entidade reguladora para a comunicação social.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×