01/03/2024
 
 
Câmara dos Representantes dos EUA trava proposta que inclui novo pacote de ajuda à Ucrânia

Câmara dos Representantes dos EUA trava proposta que inclui novo pacote de ajuda à Ucrânia

Dreamstime Jornal i 13/02/2024 08:55

O envio de ajuda para a Ucrânia está a ser debatido, há meses, no Congresso norte-americano.

Mike Johnson, líder dos Republicanos, na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos da América (EUA), afirmou que a câmara baixa do Congresso não irá considerara o texto negociado pelo Senado, que contempla novos fundos para a Ucrânia.

Em comunicado, o republicano explica que “o projeto de lei de ajuda externa do Senado não diz nada sobre o problema mais urgente que o nosso país enfrente”, a crise migratória na fronteira entre os EUA e o México.

O pacote de 95 mil milhões de dólares (88 mil milhões de euros), que é maioritariamente destinado à Ucrânia, tem vindo a ser debatido, no Congresso, há meses. Joe Biden tem encontrando grandes dificuldades com os republicanos que continuam a chumbar a proposta.

Os senadores republicanos querem, em troca da ajuda a Kiev, uma política de migração mais rígida. “Na ausência de quaisquer alterações”, da parte do Senado, “a Câmara dos Representantes vai continuar a trabalhar de acordo com a própria vontade sobre estas questões importantes”, alertou Jonhson.

Antes da votação da Câmara Alta (Senado), que reuniu 67 votos para a votação processual, tendo reunido os votos necessários para aprovar o pacote, numa data posterior ainda não divulgada, de acordo com a agência noticiosa France-Presse (AFP), o líder democrata no Senado, Chuck Schumer, já tinha alertado que: “A Ucrânia está perigosamente com as reservas em baixo, se a América não enviar ajuda à Ucrânia com este projeto de lei de segurança nacional, [o Presidente russo, Vladimir] Putin, tem todas as hipóteses de ser bem sucedido”.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline