13/4/21
 
 
Justiça nigeriana ordenou prisão de diretor da ExxonMobil Nigéria por fraude

Justiça nigeriana ordenou prisão de diretor da ExxonMobil Nigéria por fraude

Jornal i 04/02/2021 17:21

A agência nigeriana anticorrupção, a Comissão de Crimes Económicos e Financeiros (EFCC), emitiu na quarta-feira à noite um comunicado, no qual afirma que um tribunal superior emitiu o mandado de captura de Richard Laing a seu pedido.

A justiça nigeriana ordenou na quarta-feira a prisão do diretor da ExxonMobil Nigéria, a filial da companhia petrolífera norte-americana naquele país da África Ocidental, que está sob investigação por alegada fraude num projeto petrolífero.

 

A agência nigeriana anticorrupção, a Comissão de Crimes Económicos e Financeiros (EFCC), emitiu na quarta-feira à noite um comunicado, no qual afirma que um tribunal superior emitiu o mandado de captura de Richard Laing a seu pedido.

A comissão explica que pediu ao tribunal que emitisse o mandado depois de Laing se ter recusado, por três vezes, a comparecer perante os investigadores do caso.

A agência está a investigar um grande projeto de petróleo e gás operado por uma das filiais nigerianas da ExxonMobil, ou mais concretamente uma alteração contratual no valor de mais de 213 milhões de dólares (177 milhões de euros) que é alegadamente fraudulenta, adianta o mesmo comunicado daquela entidade.

Richard Laing foi nomeado para presidente e diretor executivo dos negócios da petrolífera dos EUA na Nigéria em agosto de 2020.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×