13/8/20
 
 
Indiano mata-se por estar convencido que tem coronavírus

Indiano mata-se por estar convencido que tem coronavírus

AFP Jornal i 13/02/2020 12:02

Confundiu sintomas de constipação com Covid-2019.

Um homem indiano, de 50 anos, decidiu suicidar-se para proteger a família, pois estava convencido que tinha sido infetado com o Covid-2019, o coronavírus que já contagiou mais de 50 mil pessoas, das quais 1360 morreram.

Balakrishnayya tinha visitado um hospital devido a um problema cardíaco e foi obrigado a usar uma máscara, o que fez com que acreditasse, erradamente, que estava com o vírus

"Ele foi ao hospital para fazer um exame. Os médicos disseram-lhe para usar uma máscara… Ele entendeu tudo mal e achou que estava infetado com coronavírus", disse o filho do homem de 50 anos, Balamurali, citado por vários jornais indianos.

Os familiares tentaram em vão dizer-lhe que não estava infetado, e que os seus sintomas se deviam a uma mera constipação. Mas foi impossível demover Balakrishnayya, que tinha pesquisado informação sobre o vírus na internet. Trancou a família em casa antes de pôr termo à própria vida, enforcando-se com receio de propagar a doença pelos mais próximos.

Na índia, um país com 1,3 mil milhões de habitantes, só há registo de três casos de pessoas infetadas com o novo coronavírus, detetado pela primeira vez na cidade chinesa de Wuhan.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×