20/04/2024
 
 
Ventura envia recado a Montenegro: 'Chega vai ter mais votos do que o PSD'

Ventura envia recado a Montenegro: 'Chega vai ter mais votos do que o PSD'

Mafalda Gomes Jornal i 17/12/2023 12:49

Líder do Chega acredita que os sociais-democratas só querem unir-se a CDS e IL para o seu partido não os ultrapassar.

André Ventura deixou, este sábado, um recado a Luís Montenegro, avisando-o de que o Chega terá mais votos do que o PSD nas eleições de 10 de março,

"Doutor Luis Montenegro, o senhor pode juntar-se com quem quiser, com o CDS, com a Iniciativa Liberal, com o ADN, com os partidos todos que existirem à direita, no dia 10 de março o Chega vai ter mais votos que o PSD", afirmou o líder do Chega, nas Caldas da Rainha, durante o encerramento do plenário da juventude do partido.

Ventura defendeu a ideia de que o PSD, o CDS e a Iniciativa Liberal "só querem unir-se [...] para garantir que o Chega não consegue superá-los em termos de resultados".

Para o líder do partido, a postura dos sociais-democratas só demonstra que o Chega "está no bom caminho" e que alcançará o objetivo de superar a votação do PSD nas legislativas.

O Chega não está "a tentar arranjar um número [de votos] maior do que o B ou o C", nem a querer "garantir mais um deputado em Leiria, em Viana do Castelo", está sim "a lutar para ganhar e quando se luta para ganhar, vai-se à luta com tudo", disse Ventura.

"Até pode o PS e o PSD decidirem juntar-se para impedir que o Chega governe", prosseguiu, admitindo que aqueles partidos "podem atrasar, podem limitar, podem condicionar", mas que "é certo como o destino que o Chega vai ser governo em Portugal", acrescentou.

Para Ventura, "a eleição de 10 de março não é uma eleição qualquer”, mas sim "uma batalha pelo Estado de Direito”. “Se o PS vencer "estará em causa a Independência da justiça", defendeu, salientando que"o risco sobre a separação de poderes é real, porque eles [Governo socialista] nunca quiseram combater a corrupção".

"Nós, meus caros, somos a única e a mais importante barreira entre o Partido Socialista e a governação de Portugal", rematou.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline