05/03/2024
 
 
Ucrânia. Orbán não quer começar negociações para entrada na UE

Ucrânia. Orbán não quer começar negociações para entrada na UE

Jornal i 05/12/2023 13:06

“Insisto respeitosamente a que não convide o Conselho Europeu a decidir sobre estes assuntos em dezembro, uma vez que a evidente falta de apoio vai conduzir inevitavelmente ao fracasso”, escreveu Viktor Orban.

 

O primeiro-ministro húngaro não quer que as negociações com a Ucrânia para a entrada na União Europeia (UE) aconteçam, uma vez que haverá “fracasso”.  

“Insisto respeitosamente a que não convide o Conselho Europeu a decidir sobre estes assuntos em dezembro, uma vez que a evidente falta de apoio vai conduzir inevitavelmente ao fracasso”, escreveu Viktor Orbán, uma carta dirigida a Charles Michel, que vai reunir os chefes de Estado e governo dos 27 Estados membros sobre a adesão da Ucrânia à UE. 

O líder húngaro disse ainda que, no que diz respeito à “expectativa” sobre o Conselho Europeu decidir sobre o início de negociações com a Ucrânia, que “dado o atual nível de preparativos políticos e técnicos, essas expectativas são infundadas”. 

Recorde-se que a Hungria, juntamente com a Turquia, o único Estado da NATO a não ter prestado ajuda militar à Ucrânia desde o início da guerra.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline