24/02/2024
 
 
"O bloco está pronto para apresentar uma alternativa" garante Mariana Mortágua

"O bloco está pronto para apresentar uma alternativa" garante Mariana Mortágua

Miguel Silva Jornal i 10/11/2023 13:27

A líder do Bloco de Esquerda assegura que "a esquerda não é isto" e tenciona ainda pedir esclarecimentos à Procuradoria-Geral da República sobre a operação Influencer

Em reação à decisão do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, de dissolver a Assembleia da República, a líder do Bloco de Esquerda (BE), Mariana Mortágua, garantiu, esta sexta-feira, que o seu partido está pronto para ser uma alternativa à maioria do Partido Socialista (PS).

Enquanto fazia algumas declarações aos jornalistas, a líder bloquista confessou que “hoje, num país envergonhado, com aquilo que está a assistir a nossa palavra é de Esperança”, prosseguiu, sublinhando que “o bloco está pronto para apresentar uma alternativa e responder por soluções urgentes para aquilo que verdadeiramente importa”.

Mariana Mortágua aponta que os salários e as pensões, “que já não pagam o básico” e “o tomento na habitação”, são algumas das questões que, na perspetiva do BE têm de ser resolvidas.

No que toca à operação Influencer, que esta semana fez cair o Governo, Marcelo Rebelo de Sousa a dissolver a Assembleia da República e convocar eleições antecipadas, a líder do BE avançou que vai pedir esclarecimentos à Procuradoria-Geral da República.

"Em primeiro lugar, entendemos que uma investigação com as consequências desta dimensão deve ser objeto de esclarecimento público do poder judicial. Em segundo lugar, o bloco de esquerda não ignora nem desvaloriza os factos conhecidos”, esclareceu.

A líder do bloco deixou ainda o aviso de que “a mensagem que deixamos é simples: a esquerda não é isto".

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline