12/04/2024
 
 
Protestos contra reforma judicial de Israel provoca mais de 120 detidos

Protestos contra reforma judicial de Israel provoca mais de 120 detidos

Redação 12/07/2023 13:08

Os manifestantes acusam o executivo de tentar acabar com a separação de poderes, retirada de competência ao aparelho judicial assim como limitar as funções do Tribunal Supremo receando que Israel se transforme num Estado "autocrata".

 

Depois de confrontos com a polícia em manifestações contra a reforma judicial defendida pelo Governo israelita, mais de 120 pessoas foram detidas nos protestos e 12 pessoas ficaram feridas.

Esta terça-feira, milhares de pessoas participaram em manifestações - que aconteceram em várias cidades israelitas - do 'Dia da Resistência' contra o polémico programa de reformas na Justiça.

As principais manifestações aconteceram em Haifa, Bersheeva, Jerusalém e Telavive, local que recebeu o maior protesto, onde milhares de manifestantes tentaram cortar a circulação de uma autoestrada que cruza a cidade.

Os manifestantes acusam o executivo de tentar acabar com a separação de poderes, retirada de competência ao aparelho judicial assim como limitar as funções do Tribunal Supremo receando que Israel se transforme num Estado "autocrata".

 

 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline