22/02/2024
 
 
Ordem abre inquérito ao caso da grávida que morreu após transferência para São Francisco Xavier

Ordem abre inquérito ao caso da grávida que morreu após transferência para São Francisco Xavier

Jornal i 20/06/2023 15:17

Caso levou à demissão de Marta Temido.

A Ordem dos Médicos abriu um inquérito para fazer "uma avaliação muito aprofundada e séria” do caso da morte da grávida, que foi transferida para o hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, em agosto passado,

"A Ordem dos Médicos assim que teve conhecimento que estavam médicos implicados, fez aquela que é a sua função na regulação da profissão médica, que é dar conhecimento ao Conselho Disciplinar da situação e pedido ao Conselho Disciplinar que faça a devida avaliação do caso, tendo em conta o relatório que IGAS [Inspeção-Geral das Atividades em Saúde] anunciou muito recentemente", adiantou, o bastonário da Ordem dos Médicos à agência Lusa.

Carlos Cortes explicou que quando existem “indícios de má prática”, como concluiu o relatório do IGAS, a Ordem dos Médicos é obrigada "a fazer a sua própria avaliação".

O inquérito irá avaliar as componentes técnicas, científicas e disciplinares da atuação dos médicos envolvidos no processo.

O relatório do IGAS, segundo uma notícia da TVI de 8 de junho, concluiu que ocorreram “três erros fatais” na assistência prestada no Hospital de Santa Maria à mulher, grávida de 30 semanas, que viria a morrer depois de transferida para o Hospital de São Francisco Xavier.

Recorde-se que o caso levou ao pedido de demissão da anterior ministra da Saúde Marta Temido.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline