24/04/2024
 
 
Netflix poderá baixar preços em alguns países para atrair assinantes

Netflix poderá baixar preços em alguns países para atrair assinantes

Jornal i 25/02/2023 15:57

Segundo a imprensa internacional, alguns dos países visados, o Iémen, Jordânia, Líbia, Irão, Croácia, Eslovénia ou Bulgária poderão vir a ter preços mais reduzidos nas subscrições da Netflix.  

A Netflix poderá baixar os preços da sua assinatura em alguns países de forma que o número de assinantes aumente. 

Segundo a imprensa internacional, alguns dos países visados, o Iémen, Jordânia, Líbia, Irão, Croácia, Eslovénia ou Bulgária poderão vir a ter preços mais reduzidos nas subscrições da Netflix.  

Os preços poderão baixar entre 20% a 60%. 

Recorde-se que numa decisão que causou desagrado entre os seus mais de 200 milhões de utilizadores, o serviço de streaming anunciou que iria deixar de permitir contas partilhadas, uma medida que já entrou em vigor em Portugal. 

“A Netflix tornou-se diferente em termos comerciais pela partilha de contas e pela possibilidade de uma utilização mais abrangente do núcleo familiar quando um dos seus membros não estivesse em casa”, diz ao i o jurista da Deco, Luís Pisco. “Neste momento, tornou-se uma plataforma igual a tantas outras que já existem na internet, criando dúvidas se esta decisão não irá trazer consequências para a própria Netflix no futuro”, acrescenta. 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline