17/04/2024
 
 
Marcelo pediu desculpa a imigrante nepalês agredido

Marcelo pediu desculpa a imigrante nepalês agredido

Jornal i 06/02/2023 18:35

“Não há justificação para a agressão de que foi vítima e eu pedi-lhe desculpa por isso", disse o Presidente, em declarações aos jornalistas, depois de ter estado reunido com dois imigrantes agredidos nos últimos dias, sendo um deles o que foi atacado a 25 de janeiro.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, pediu desculpa, esta segunda-feira, a um imigrante que foi alvo de agressões em Olhão, no dia 25 de janeiro.  

“Não há justificação para a agressão de que foi vítima e eu pedi-lhe desculpa por isso", disse o Presidente, em declarações aos jornalistas, depois de ter estado reunido com dois imigrantes agredidos nos últimos dias, sendo um deles o que foi atacado a 25 de janeiro, acrescentando que "não há nada que justifique esse tipo de tratamento desumano, antidemocrático e criminoso, que não pode ser aceite na sociedade portuguesa". 

Marcelo congratulou-se porque a vítima "já tem número de contribuinte" e "já pode trabalhar a título precário", mas alertou que "ainda tem problemas de saúde" e tem de recuperar. 

"Neste momento a Câmara [de Olhão] vai tratar do enquadramento em termos de ação social e, por outro lado, ele está disponível para trabalhar quer na restauração quer para a construção civil", referiu.  

Recorde-se que um grupo de jovens agrediu o imigrante nepalês e o caso só ficou conhecido depois de terem sido publicados vídeos nas redes sociais a dar conta da agressão, nos quais se podia ver a vítima a ser atacada com pontapés e murros.  

O caso está a ser investigado pela PSP e o ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, disse no fim de semana que foi identificado "um núcleo de pessoas que estavam nesse grupo que agrediu de forma bárbara" o cidadão.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline