07/02/2023
 
 
Somália anuncia morte de 49 combatentes de grupo terroristas

Somália anuncia morte de 49 combatentes de grupo terroristas

Dreamstime Jornal i 19/01/2023 14:00

O Al-Shebab, é um grupo afiliado desde 2012 à organização terrorista Al-Qaeda, tem lançado ataques terroristas frequentes à capital da Somália, Mogadíscio, e noutras zonas do país.

O exército da Somália, apoiado por parceiros internacionais, anunciou, esta quinta-feira, ter matado pelo menos 49 combatentes do grupo terrorista Al-Shebab numa operação militar no centro do país, de acordo com a imprensa local citada pela EFE.

De acordo com a agência de notícias EFE, o porta-voz do Ministério da Defesa, o general Abdullahi Ali Anod, explicou que as forças somalis também recuperaram armas e conseguiram destruir um canhão antiaéreo numa operação que aconteceu na localidade de Dhagahow, na região do Médio Shabelle.

O ataque ocorreu dias depois de o exército ter recuperado o controlo de várias localidades estratégicas nas regiões Galgudug e Mudug, no estado central de Galmudug, sendo que uma dessas localidades estava sob controlo dos terroristas há mais de uma década

O Al-Shebab, é um grupo afiliado desde 2012 à organização terrorista Al-Qaeda, tem lançado ataques terroristas frequentes à capital da Somália, Mogadíscio, e noutras zonas do país para tentar derrubar o governo central, apoiado pela comunidade internacional, e implementar à força um Estado islâmico ultraconservador.

O grupo terrorista domina várias zonas rurais no centro e sul da Somália, e ataca também localidades nos países vizinhos Quénia e Etiópia.

Recorde-se que a Somália vive em estado de guerra desde 1991, quando o ditador Mohamed Siad Barre foi derrubado e deixou o país sem governo efetivo e nas mãos de milícias de inspiração islâmica.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline