01/02/2023
 
 
Centros de saúde com horário alargado e complementar

Centros de saúde com horário alargado e complementar

Jornal i 08/12/2022 16:56

Já no fim de semana haverá também um reforço do atendimento nos cuidados primários, com 233 centros de saúde abertos no sábado e 200 centros de saúde abertos no domingo.

Estão a funcionar neste feriado 197 centros de saúde  na modalidade de horário de atendimento complementar, no âmbito do Plano Estratégico para a Resposta Sazonal em Saúde – inverno 2022-2023.

Já no fim de semana haverá também um reforço do atendimento nos cuidados primários, com 233 centros de saúde abertos no sábado e 200 centros de saúde abertos no domingo, revelou o ministério da Saúde. 

"Esta adaptação da capacidade de atendimento dos cuidados de saúde primários pretende responder às maiores necessidades da população nos meses de outono/ inverno e diminuir a procura dos serviços de urgência em situações não emergentes, contribuindo-se para uma otimização da resposta da rede de unidades do Serviço Nacional de Saúde.
Para melhor atendimento e aconselhamento, reforça-se a importância de ligar em primeiro lugar para o SNS 24 (808 24 24 24), para uma triagem e encaminhamento adequado de cada situação, promovendo-se uma resposta mais célere e também o melhor planeamento da atividade do SNS", esclarece o ministério.

E diz ainda que, em paralelo, a “Via Verde ACeS” nos serviços de urgência, que permite a referenciação mais ágil dos serviços de urgência para as unidades de cuidados primários, está já a funcionar em 27  Agrupamentos de Centros de Saúde (ACeS), de um total de 55, em articulação com unidades hospitalares. Esta resposta permite que os utentes triados como não urgentes – ou seja, pulseira branca, azul ou verde – sejam encaminhados dos hospitais para os centros de saúde, com data e hora previamente definidas, sendo atendidos, no máximo, em 24 horas. A aceitação da referenciação para os centros de saúde isenta os utentes do pagamento das taxas moderadoras.

"A caminho do inverno, o ministério da Saúde reitera o apelo à vacinação dos cidadãos elegíveis a vacinarem-se contra a gripe sazonal e COVID-19. A modalidade casa aberta, que dispensa marcação, está disponível para maiores de 60 anos.
O objetivo último do “Plano Estratégico do Ministério da Saúde para a Resposta Sazonal em Saúde – inverno 2022-2023” é proteger a saúde de todos, minimizando a ocorrência de casos de infeções respiratórias agudas, a necessidade de recurso aos vários níveis de cuidados de saúde, a perda de produtividade, as hospitalizações e as mortes. Para isso, é fundamental assegurar o normal funcionamento dos serviços e a capacidade de resposta a todas as situações de doença, bem como reforçar as atividades de promoção da saúde e a comunicação efetiva com a população", salienta.
 
 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline