01/02/2023
 
 
Hospital de Almada pediu desvio de doentes para outros hospitais

Hospital de Almada pediu desvio de doentes para outros hospitais

Jornal i 05/12/2022 08:56

Num pedido dirigido ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), a que a agência Lusa teve acesso, o serviço de urgência do hospital de Almada, no distrito de Setúbal, refere que não é possível receber doentes não críticos até às 8h00 de segunda-feira. 

As urgências do Hospital Garcia de Orta, em Almada, pediram o desvio de doentes não críticos fora da área de influência daquela unidade hospitalar para outros hospitais devido à sobrelotação do serviço. 

Num pedido dirigido ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), a que a agência Lusa teve acesso, o serviço de urgência do hospital de Almada, no distrito de Setúbal, refere que não é possível receber doentes não críticos até às 8h00 de segunda-feira. 

Assim, aquela unidade hospitalar pediu, às 12h00 de domingo, que fosse feito o encaminhamento para outros hospitais que consigam dar essa resposta.  

Recorde-se que, a 28 de novembro, os chefes de equipa do Serviço de Urgência Geral (SUG) do hospital de Almada apresentaram a demissão dos cargos como forma de protesto com a escala de dezembro por considerarem estar “abaixo os mínimos”.  

A escala em questão consta vários dias com um número de elementos abaixo dos mínimos (um ou dois elementos apenas) para garantir o bom funcionamento do serviço, pode ler-se numa carta dos profissionais dirigida ao diretor clínico do Hospital Garcia de Orta, à presidente do Conselho de Administração e à diretora do Serviço de Urgência. 

Após a demissão, a administração do hospital reuniu com os especialistas a 29 de novembro e assegurou que estavam a ser tomadas medidas para o reforço da equipa - decisão que não mudou a demissão em causa.  

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline