06/02/2023
 
 
Rússia assume autoria dos ataques em Kiev e noutras cidades

Rússia assume autoria dos ataques em Kiev e noutras cidades

AFP Jornal i 10/10/2022 11:48

Segundo a vice-ministra da Defesa ucraniana, a Rússia disparou 83 mísseis, dos quais 43 foram abatidos. 

O Presidente da Rússia confirmou que o seu país é responsável pelos ataques que aconteceram na manhã desta segunda-feira na capital de Kiev e nas várias cidades ucranianas, onde pelo menos oito pessoas morreram e 36 ficaram feridas.

Numa mensagem de vídeo, Vladimir Putin afirmou que os ataques foram provocados por mísseis de longo alcance e que tinham o objetivo de atingir infraestruturas de energia, militares e de comunicação. Desta forma, esta confirmação corrobora o que o Presidente da Ucrânia disse num vídeo a reagir aos ataques: a Rússia tem dois alvos - instalações de energia e pessoas. 

O líder russo também prometeu uma resposta “dura” a qualquer ato “terrorista” em território russo.

Note-se que hoje Putin tem encontro marcado com o Conselho de Segurança russo para discutir o ataque à ponte que liga a Rússia à Crimeia, península que está anexada à Rússia desde 2014.

Segundo a vice-ministra da Defesa ucraniana, Hanna Malyar, citada pela agência Ukrinform, até às 11:34, a Rússia disparou 83 mísseis, dos quais 43 foram abatidos. "Os dados estão a ser verificados", afirmou Hanna Malyar. 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline