26/09/2022
 
 
ONU. Rússia comete crimes de guerra na Ucrânia

ONU. Rússia comete crimes de guerra na Ucrânia

AFP Jornal i 23/09/2022 12:55

Muitos dos assassinatos em questão foram cometidos contra pessoas detidas, com os mortos a serem encontrados com as mãos amarradas atrás das costas. 

A Comissão de Inquérito da ONU concluiu esta sexta-feira que “foram cometidos crimes de guerra” na Ucrãnia desde a invasão russa. 

"Com base nas evidências recolhidas pela Comissão, concluímos que foram cometidos crimes de guerra na Ucrânia”, deixou claro Erik Mose, presidente da comissão, à luz do primeiro relatório feito perante o Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. 

“Ficámos chocados com o grande número de execuções perpetradas nas áreas que visitámos”, acrescentou o responsável, explicando que a missão investigou assassinatos em 16 cidades ucranianas, apesar de tere sido recebidos relatos em lugares. 

De acordo com a comissão, muitos dos assassinatos em questão foram cometidos contra pessoas detidas, com os mortos a serem encontrados com as mãos amarradas atrás das costas. 

Muitos destes assassinatos foram cometidos contra pessoas detidas, adiantou o presidente da comissão, referindo que muitos dos mortos estavam com as mãos amarradas atrás das costas, ferimentos na cabeça e cortes na garganta, o que mostra que foram alvo de execuções sumárias.

Para além disso, os soldados da Federação Russa cometeram violência sexual e de género a vítimas com idades “entre os 4 e os 82 anos”, e que, em alguns casos, os familiares foram obrigados os maus-tratos e torturas, afirmou Eik Mose. 

 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline