07/10/2022
 
 
Espanha. Procura por máquinas de fazer gelo triplica

Espanha. Procura por máquinas de fazer gelo triplica

Dreamstime Jornal i 09/08/2022 20:40

Devido à escassez de gelo, interesse por estes aparelhos cresceu 183%. Já o preço dos pacotes de gelo aumentou entre 250% a 300%.

A procura por máquinas de cubos de gelo quase triplicou em Espanha devido à escassez de sacos de gelo num contexto marcado pelas ondas de calor que afetaram a Península Ibérica nas últimas semanas, segundo dados do idealo.es.

No entanto, este fenómeno decorre numa altura em que também há falta deste produto, escassez que é justificada aumento dos custos de energia elétrica, combustível e plástico, que encarecem o produto e dificultam sua produção.

Consequentemente, de acordo com idealo.es, o interesse por estes aparelhos cresceu 183% desde que começou a escassez nos supermercados, restaurantes e lazer e tornou-se a principal alternativa escolhida pelo consumidor espanhol, já que o preço dos pacotes de gelo aumentou entre 250 % e 300%.

A empresa explica ainda que estes aparelhos podem ser adquiridos por um custo médio de 205 euros, mas existem modelos por 110 euros, que podem fabricar até 12 quilos de cubos por dia.

“O interesse por máquinas para fazer cubos de gelo pode continuar a aumentar nos próximos dias, uma vez que esta escassez vai continuar e muitas cidades espanholas estão a preparar-se para as festas da padroeira que terão lugar a 15 de agosto”, explicou Kike Aganzo, da idealo.es.

A escassez de gelo não afeta só Espanha e estendeu-se a Portugal ainda que não na mesma proporção. A Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) confirmou ao i que “face às condições climatéricas vividas nos últimos tempos, com dias excecionalmente quentes, verificou-se um aumento da procura por gelo”, mas, para já “não se antevê qualquer falta de stock deste tipo de produto”. E as cadeias de supermercados confirmam esta tendência.

No entanto, o i sabe que em Portugal há vários sítios onde o gelo já esgotou, principalmente em locais de restauração ou em mini mercados. No caso dos primeiros, há até proprietários que confessam ter percorrido superfícies comerciais ou bombas de gasolina à procura de gelo e não encontraram.

Também as fábricas de gelo têm confessado um aumento de pedidos e estão com dificuldades em responder à procura.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


Especiais em Destaque

iOnline
×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline