26/09/2022
 
 
Montepio. Mutualista com lucros de 12,9 milhões no primeiro semestre

Montepio. Mutualista com lucros de 12,9 milhões no primeiro semestre

Bruno Gonçalves Jornal i 08/08/2022 13:00

Resultado melhorou um milhão de euros em relação ao período homólogo. Número de associados também cresceu.

A Associação Mutualista Montepio Geral registou um resultado líquido positivo de 12,9 milhões de euros nos primeiros seis meses do ano, um crescimento face aos 11,9 milhões de euros conseguidos em igual período do ano passado.

A Associação explica que, nesse período, o número de associados do Montepio registou um aumento de 1895, fixando-se nos 603501. Já a margem associativa é hoje de 87 milhões de euros, sendo que no período homólogo de 2021 se situava nos 70,7 milhões. “O crescimento da base associativa revela uma inversão da tendência de perda de associados que se verificava desde 2015, iniciada já no último trimestre de 2020 e consolidada no ano de 2021”, explica a Mutualista em comunicado.

Já o capital próprio da AMMG também registou um acréscimo neste primeiro semestre, ascendendo agora aos 339,6 milhões de euros, valor superior aos 310 milhões alcançados no mesmo período do ano passado. “Todos os meses a AMMG regista um excedente de 2 milhões de euros, um montante que é distribuído pelos associados”, diz a Associação.

E acrescenta que “a constituição de uma nova organização do grupo, mais simplificada e reduzida, contribuiu para uma melhoria no desempenho das empresas, registando-se um crescimento generalizado e sustentado nas várias áreas de negócios”.

“O prometido está a ser cumprido. Arrumámos a casa, temos agora uma nova organização do grupo mais simplificada, com uma equipa coesa e focada, o que se reflete nos resultados do primeiro semestre do corrente ano”, defende o presidente da Associação Mutualista Montepio Geral, Virgílio Boavista Lima.

‘Melhor semestre dos últimos 12 anos’

Também o Banco Montepio conta com resultados positivos tendo conseguido registar “o melhor semestre dos últimos doze anos”, com um resultado líquido positivo de 23,3 milhões de euros, o que representa uma taxa de variação superior a 100%, mais 56,3 milhões, face aos 33 milhões de resultado negativo do período homólogo do ano anterior.

“Os últimos três meses corresponderam também ao quarto trimestre consecutivo a obter resultados positivos suportados com o aumento de negócio e a melhoria de eficiência”, diz o banco liderado por Virgílio Lima.

Ainda no que diz respeito a estes primeiros seis meses do ano, o Banco Montepio conseguiu arrecadar mais 18,9 milhões em produto bancário, tendo reduzido em 800 mil euros os gastos operacionais. Já o crédito concedido cresceu mais 263,5 milhões e os depósitos aumentaram 413 milhões, tendo os capitais próprios registado uma variação de mais 190,2 milhões.

“Na estratégia do Banco Montepio regista-se atualmente uma grande concentração no Crédito à Habitação, nas Famílias, nas Pequenas e Médias Empresas (PME´s) e na área da Economia Social”, lê-se na nota. 

“O Banco Montepio está no rumo certo. A nossa área financeira viveu o melhor semestre dos últimos 12 anos e o banco está hoje melhor preparado com uma equipa rejuvenescida, mais reduzida e mais focada”, considera Virgílio Boavista Lima.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline