13/08/2022
 
 

Cristiano Ronaldo sairá pela porta pequena?

 Se ficar no Manchester já sabe que o treinador holandês não permitirá comportamentos de vedeta, como a cena que protagonizou no último fim de semana quando saiu a meio do jogo e decidiu tomar banho e seguir para casa, sem esperar pelo fim do jogo. “É inaceitável”, disse Erik ten Hag. E com toda a razão.

Cristiano Ronaldo é um nome que ficará para sempre ligado à história do futebol, faltando-lhe apenas ganhar o título de campeão mundial por Portugal. Lá para novembro e dezembro veremos se conseguirá conquistar o único título que lhe falta.

A criança que deixou a Madeira para uma realidade totalmente diferente, tendo ultrapassado todas as dificuldades, fez-se homem e foi considerado por cinco vezes o melhor do mundo. Marcou golos de todos os feitios e maneiras e sempre foi considerado um profissional exemplar, até que agora entrou por um caminho nada dignificante para o seu passado. A novela em torno da sua continuidade no Manchester United e o leilão que o seu empresário terá efetuado junto das melhores equipas não terá surtido efeito e o craque vê-se agora num beco sem saída. Se ficar no Manchester já sabe que o treinador holandês não permitirá comportamentos de vedeta, como a cena que protagonizou no último fim de semana quando saiu a meio do jogo e decidiu tomar banho e seguir para casa, sem esperar pelo fim do jogo. “É inaceitável”, disse Erik ten Hag. E com toda a razão.

Em ano de mundial, o que levará Cristiano Ronaldo a caminhar na direção errada, contribuindo para um final de carreira muito pouco digno? Já se sabe que o jogador português tem uma fixação por jogar na Liga dos Campeões, mas como a sua equipa não se apurou, resta-lhe fazer uma grande época para chegar ‘imbatível’ ao Mundial. Em vez disso, assiste-se a declarações públicas dos principais clubes a dizer que o jogador não se encaixa no perfil da equipa, que é como quem diz, Ronaldo já não está em condições de exigir que uma equipa jogue para ele. 

O seu empresário, Jorge Mendes, tem um poder inusitado no mundo da bola, mas pelos vistos não consegue contrariar as leis da vida: os 37 anos de Cristiano Ronaldo. E até acredito que o jogador português possa fazer um grande mundial e concorrer de novo à categoria de melhor jogador do mundo. Mas para isso precisa de colocar os pés no chão...

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline