09/08/2022
 
 
Pai de Jéssica revela ter batido na ex-companheira ao pé da criança

Pai de Jéssica revela ter batido na ex-companheira ao pé da criança

Reprodução Jornal i 24/06/2022 12:45

Mulher tomou a iniciativa de ir dormir para o quintal durante "duas ou três" noites com a filha. 

O pai de Jéssica, a menina de três anos que morreu em Setúbal na passada segunda-feira devido a uma alegada dívida da mãe, terá batido na companheira à frente da criança, tendo a mulher saido de casa para ir dormir na rua. 

As declarações foram proferidas pelo próprio homem em declarções à TVI/CNN Portugal: “Houve, de certa parte, violência doméstica da minha parte. Cheguei a bater na mãe à frente da menina, a menina assistiu”. 

Na sequência destas agressões , a mãe de Jéssica terá tomado a iniciativa de ir "dormir para o jardim" durante "duas ou três noites" com a criança.

“Não foi porque as meti na rua, ela é que tomou essa iniciativa porque ela também tinha a casa da mãe, tinha a casa de outras pessoas. Ela é que quis ficar na rua com a menina, duas ou três noites. Mas nunca as meti na rua e nunca bati na minha filha”, disse o homem.

Relativamente às agresões a Jéssica, o homem revelou já tinha dado conta de que a filha estava "muito mal tratada" e há algum tempo que se sente "com remorsos" por não ter conseguido salvar a filha. 

"Sinto que podia ter salvado a minha filha desta situação, tal como a mãe", disse, acusando a mãe da menina de a ter "mandado aos abutres"

"A mãe parece que não gostava da filha e a prova disso é que a menina era mal tratada", disse o homem questionando porque é que "a mãe entregou a própria filha à morte”.

O pai de Jéssica adiantou ainda que a ex-mulher "já conhecia" a família que alegadamente provocou a morte de Jéssica "há anos" e que, "em certa parte" tem culpa daquilo que aconteceu.

 

.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline