29/06/2022
 
 
Nova vaga de poeiras a caminho e calor extremo

Nova vaga de poeiras a caminho e calor extremo

Francisco Garcia Joana Mourão Carvalho 17/05/2022 08:32

IPMA diz que é cedo para previsões definitivas mas cenários estão no horizonte. 

A semana arrancou com chuva em algumas zonas do país, mas segundo as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) as temperaturas vão subir gradualmente ao longo da semana na generalidade do território português, podendo “culminar num episódio de calor extremo no sábado”, nomeadamente na região do Alentejo, onde deverão ser atingidas temperaturas máximas de 40 graus, um valor recorde para o mês de maio.

Para esta terça-feira ainda são esperados “períodos de chuva a norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela, em especial no Minho e Douro Litoral durante a manhã, passando a aguaceiros durante a tarde”. As máximas vão variar entre os 31 graus, em Beja, e os 21 graus, em Braga. Já as mínimas vão variar entre os 18 graus, em Aveiro, e os 11 graus, em Bragança.

Além de uma onda de calor, de acordo com a página Luso Meteo, que faz a monitorização dos modelos meteorológicos, Portugal poderá ser atingido por uma nova vaga de poeiras oriundas de África entre quinta-feira e sábado.

Em declarações ao i, fonte oficial do IPMA não descarta este cenário: “Não é impossível, mas ainda é muito cedo para confirmar”. 

Em causa está a “existência de uma depressão em altitude localizada a sudoeste do território português que se poderá deslocar” e trazer de novo nuvens de poeiras.

No passado mês de março, o país foi atingido por uma nuvem de poeira vinda do Norte de África, trazida pela depressão Célia, cujo efeito mais visível foi o céu de cor alaranjada. Na altura, o IPMA advertiu que, por vezes, em períodos de concentrações mais elevadas, poderia haver “alteração da qualidade do ar com impacto ao nível da saúde”,  bem como redução da visibilidade. 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline