29/09/2022
 
 
Inteligência artificial vence oito campeões mundiais em jogo de cartas

Inteligência artificial vence oito campeões mundiais em jogo de cartas

AFP Jornal i 29/03/2022 10:39

"O que temos visto representa um avanço fundamentalmente importante no estado dos sistemas de inteligência artificial", disse Stephen Muggleton, professor de aprendizagem de máquinas no Imperial College de Londres.

NooK, uma Inteligência Artificial (IA) desenhada pela start-up francesa NukkAI, venceu não apenas um, mas oito campeões mundiais de Bridge, um jogo de cartas no qual os jogadores trabalham com informação incompleta e onde têm de reagir ao comportamentos dos outros jogadores, representado assim uma nova vitória para a evolução da IA.

"O que temos visto representa um avanço fundamentalmente importante no estado dos sistemas de inteligência artificial", disse Stephen Muggleton, professor de aprendizagem de máquinas no Imperial College de Londres.

A start-up francesa NukkAI anunciou a notícia da vitória da sua IA na sexta-feira, no final de um torneio que durou dois dias, em Paris. O desafio da NukkAI sugeria que os campeões jogassem 800 acordos consecutivos divididos em 80 conjuntos de 10. Não envolveu a componente de licitação inicial do jogo, onde os jogadores chegam a um acordo que depois têm de cumprir durante as partidas. 

Deste modo, cada campeão jogou as suas próprias cartas e as do seu parceiro contra um par de adversários robóticos, considerados os melhores campeões de robôs do mundo até à data, que ganharam muitas competições. No entanto, são universalmente reconhecidos por não serem tão bons como os jogadores humanos experientes.

A IA em causa, NooK, desempenhou o mesmo papel que o campeão humano, com as mesmas cartas e os mesmos oponentes. A pontuação foi a diferença entre as do humano e da IA, calculada como média sobre cada conjunto. A NooK ganhou 67, ou seja, 83% dos 80 conjuntos.

Jean-Baptiste Fantun, co-fundador da NukkAI, disse estar confiante de que a máquina, que tem vindo a ser desenvolvida pela empresa há cinco anos, iria triunfar em milhares de negócios por todo o mundo.

Anunciando os resultados, o matemático Cédric Villani, vencedor da medalha Fields em 2010, chamou à NukkAI "uma soberba história de sucesso francesa".

"A maior parte do que o público em geral tem ouvido nos últimos anos sobre a aprendizagem de máquinas baseia-se em sistemas de caixas negras como o AlphaGo, que é incapaz de explicar aos seres humanos como as decisões estão a ser tomadas", disse ainda Muggleton.

Em vez disso, NooK representa uma abordagem chama de "caixa branca" ou "neurosimbólica". Isto significa que, em vez de aprender jogando milhões de rondas de um mesmo jogo, a NooK primeiro aprende as regras do jogo e depois melhora o seu jogo através da prática. É um híbrido de sistemas baseados em regras e de aprendizagem profunda. "A abordagem NooK aprende de uma forma muito mais próxima dos seres humanos", explicou o professor. 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline