18/04/2024
 
 
CGD não fica atrás da concorrência e aumenta comissões

CGD não fica atrás da concorrência e aumenta comissões

Sónia Peres Pinto 01/02/2022 20:14

Banco anunciou ainda a recompra de títulos de dívida. 

A par dos outros bancos também a Caixa vai levar a cabo um aumento das comissões. As contas sem domiciliação de ordenado e que registam compras com cartão abaixo de 50 euros mensais vão sofrer um aumento da comissão de manutenção em 30 cêntimos por mês ou 3,6 euros por ano (mais imposto de selo de 0,4%). Já quem tem Conta Caixa S sem bonificação vai passar a pagar uma comissão de 5,25 euros por mês (63 euros por ano, mais imposto de selo). Na Conta Caixa M sem bonificação, o valor encarece para 9,3 euros. Há ainda subidas de 30 cêntimos nas comissões de manutenção na conta Cliente Caixa Azul ou Caixa Platinum sem bonificação e Outros Clientes com bonificação (passa para 7,3 euros) e na Conta Caixa Azul sem bonificação (sobe para 14,3 euros).

Também os cheques vão registar um aumento com o banco a afirmar que a ideia “é apoiar a transição para práticas de pagamento mais eficazes, seguras e cómodas”.

A informação foi avançada, no mesmo dia, em que o banco público foi autorizado a efetuar o reembolso antecipado da emissão de fundos próprios adicionais de nível 1, no valor de 500 milhões. A luz verde foi dada pelo Banco Central Europeu. A instituição financeira liderada por Paulo Macedo diz ainda que a taxa de juro de 10,75% associada a esta dívida correspondeu a um custo anual de 53,75 milhões, o que representou, no conjunto dos cinco anos, um total de 268,75 milhões de euros. E que a “aprovação do reembolso antecipado destes títulos de dívida no dia 30 de março resulta da avaliação positiva feita pelo BCE à solidez financeira da CGD, reflexo da conclusão com sucesso de um difícil e exigente plano de reestruturação”.

Ler Mais

CGD

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline