29/05/2022
 
 
Novela ‘Djokoviciana’ chegou ao fim: tenista foi deportado

Novela ‘Djokoviciana’ chegou ao fim: tenista foi deportado

WILLIAM WEST / AFP Jornal i 16/01/2022 15:00

Quase duas semanas de polémica culminaram da pior forma para Novak Djokovic: o tenista sérvio, que não está vacinado contra a covid-19, acabou deportado da Austrália, e não jogará no primeiro Grand Slam do ano.

O desfecho do polémico caso de Novak Djokovic e a sua chegada à Austrália chegou ao fim. Depois de ter visto o seu visto novamente cancelado, o tenista sérvio acabou deportado, já que os tribunais decidiram, em coro, a favor da revogação do seu visto, depois de o próprio ministro da Imigração australiano, Alex Hawke, ter avançado com a medida, devido a questões de ‘saúde pública’.

De seguida, Novak Djokovic não teve outra opção senão fazer as malas e partir, encontrando-se neste momento a caminho do Dubai. Recorde-se que o tenista foi inicialmente detido há mais de 10 dias, quando chegou à Austrália para participar no Open da Austrália. Djokovic foi entretanto libertado, mas o seu visto acabo por ser novamente revogado, e, desta vez, foi mesmo de vez.

“Estou muito desapontado com a decisão do Tribunal de indeferir o meu pedido de revisão judicial da decisão do Ministro em cancelar o meu visto, o que significa que não posso ficar na Austrália e não posso participar no Open da Austrália”, reagiu o tenista num comunicado oficial, onde diz respeitar a decisão do Tribunal, admitindo cooperar com as autoridades. “Sinto-me desconfortável que o foco das últimas semanas tenha sido eu e espero que todos possamos agora focar-nos no jogo e no torneio que amo”, concluiu.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


Especiais em Destaque

iOnline
×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline