20/08/2022
 
 
"Sinto-me enojada". Vanessa Bryant receia que fotografias dos corpos do marido e da filha se tornem virais

"Sinto-me enojada". Vanessa Bryant receia que fotografias dos corpos do marido e da filha se tornem virais

AFP Jornal i 08/12/2021 12:14

"Até ao fim da minha vida, uma das duas coisas vai acontecer: as fotografias dos corpos do meu marido e da minha filha vão viralizar na Internet ou eu vou viver com medo de que isso aconteça", frisou Vanessa Bryant em tribunal, num processo onde a mulher, de 39 anos, acusa o Departamento do Xerife do Condado de Los Angeles de negligência e invasão de privacidade pela circulação de fotografias de Kobe e Gianna, de 13 anos, mortos no local do acidente de helicóptero. 

Vanessa Bryant, viúva de Kobe Bryant e mãe de Gianna, revelou às autoridades norte-americanas que viu uma das fotografias do corpo do marido tiradas por polícias logo após o acidente de helicóptero, que matou a estrela da NBA, aos 41 anos, em janeiro de 2020.

Segundo documentos legais, obtidos pelo TMZ, as declarações foram proferidas numa audiência em tribunal, num processo onde a mulher, de 39 anos, acusa o Departamento do Xerife do Condado de Los Angeles de negligência e invasão de privacidade pela circulação de fotografias de Kobe e Gianna, de 13 anos, mortos no local do acidente.

O site revela ainda que quando soube do acidente, Vanessa pediu ao xerife Alex Villanueva para não deixar ninguém tirar fotografias. “Se não puder trazer o meu marido e o meu bebé de volta, certifique-se de que ninguém tira fotografias deles”, apelou. No entanto, o pedido foi ignorado e as imagens foram captadas pelas próprias autoridades.

“Desde que vi a fotografia, tenho andando atormentada por pensamentos sobre quem a tirou e sobre o meu marido”, disse na audiência. “Enfurece-me saber que as pessoas a quem confiei a proteção da dignidade do meu marido e da minha filha abusaram das suas posições para obter recordações das suas mortes, como se a posse das imagens dos seus restos mortais os fizessem especiais. Imagino o Kobe a ver isto e perco-me entre a raiva e o choro”, acrescentou.

Vanessa revelou ainda que tem recebido mensagens de trolls online, que dizem ter as imagens e ameaçam publicá-las. “Sinto-me enojada ao pensar que polícias e bombeiros distribuíram as fotografias dos corpos do meu marido e da minha filha sem nenhum motivo. Também fico extremamente triste e furiosa ao saber que as fotografias dos corpos do meu marido e da minha filha foram motivo de risos enquanto circularam em bares e jantares. Até ao fim da minha vida, uma das duas coisas vai acontecer: as fotografias dos corpos do meu marido e da minha filha vão viralizar na Internet ou eu vou viver com medo de que isso aconteça”, frisou.

Kobe Bryant e a sua filha mais velha, Gigi, de 13 anos, morreram a 26 de janeiro de 2020 quando seguiam para um torneio feminino de basquetebol na Califórnia. Além de Kobe, Gigi e de Ara Zobayan, o piloto, morreram ainda outras seis pessoas. 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline