20/08/2022
 
 
Motorista de Cabrita acusado de homicídio por negligência

Motorista de Cabrita acusado de homicídio por negligência

João Porfírio Jornal i 03/12/2021 12:21

Acusação indica que  o arguido "conduzia, naquela ocasião e lugar, veículo automóvel em violação das regras de velocidade e circulação previstas no Código da Estrada".

O motorista que conduzia o carro onde seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e que atropelou mortalmente um trabalhador na A6, foi acusado pelo Ministério Público de homicídio por negligência.

“O Ministério Público deduziu acusação, requerendo o julgamento por tribunal singular, contra um arguido, o condutor do veículo automóvel interveniente num acidente de viação ocorrido na A6, no dia 18 de junho de 2021, imputando-lhe a prática, em concurso, de um crime de homicídio por negligência e de duas contraordenações”, lê-se num comunicado do DIAP de Évora, divulgado esta sexta-feira.

Segundo a mesma nota, a acusação refere que o arguido “conduzia, naquela ocasião e lugar, veículo automóvel em violação das regras de velocidade e circulação previstas no Código da Estrada e com inobservância das precauções exigidas pela prudência e cuidados impostos por aquelas regras de condução”. De acordo com o Observador, que cita o despacho, o motorista seguia na via da esquerda, a uma velocidade de 166 quilómetros por hora.

“Como resultado da conduta do arguido, o veículo embateu num indivíduo que procedia ao atravessamento da via, provocando-lhe lesões que lhe determinaram a morte”, indica o DIAP de Évora. "Decorre o prazo para eventual abertura de Instrução que, a não ser requerida, determinará a remessa do processo para julgamento", acrescenta.

Recorde-se que o acidente resultou na morte de um trabalhador, de 43 anos, que fazia trabalhos de manutenção na A6. Apesar de ainda ter sido assistido no local, acabou por não resistir.

 

 

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline