1/12/21
 
 
Jay-Z torna-se no músico mais indicado da história do Grammy

Jay-Z torna-se no músico mais indicado da história do Grammy

Shutterstock Jornal i 24/11/2021 14:45

Até o momento, Quincy Jones liderava. Contudo, após o anúncio dos candidatos à 64ª edição da premiação, Jay-Z e McCartney assumiram a liderança.

O rapper Jay-Z tornou-se esta terça-feira no artista que ganhou mais indicações ao Grammy em toda a história da música, com um total de 83 indicações. O cantor fica assim à frente de Paul McCartney, com 81, e Quincy Jones com 80. Até então, Jones era o músico mais indicado para os prémios de música, embora após o anúncio dos candidatos à 64ª edição, Jay-Z e McCartney se tenham posicionado à frente com três e duas indicações, respectivamente.

Jay-Z não lançou músicas novas este ano e suas três nomeações vêm de duas colaborações que aspiram o artista a levar o título de melhor canção de rap: “Bath Salt” com DMX e “Jail” com Kanye West.

Além disso, Jay-Z poderá ganhar um Grammy de álbum do ano porque aparece como um dos compositores de 'Donda', álbum de West que concorre na categoria estrela da premiação. O recorde é ainda mais marcante porque há apenas um ano, a esposa de Jay-Z, Beyoncé, tornou-se na cantora mais premiada da história do Grammy, com um total de 28 prémios de ouro.

À frente de Beyoncé está apenas o húngaro Georg Solti, maestro que ganhou inúmeros prémios nas categorias de música clássica. Por sua vez, Paul McCartney recebeu duas novas indicações aos 79 anos: melhor canção de rock por “Find My Way” e melhor álbum de rock por “McCartney III”.

Depois de Jay-Z, McCartney e Jones, os artistas mais indicados na história do Grammy são Beyoncé, Kanye West, Georg Solti, Stevie Wonder, Henry Mancini e John Williams.

 

Ler Mais


×

Pesquise no i

×