30/11/21
 
 
Disparos em Moura. Candidato eleito do Chega renuncia ao mandato

Disparos em Moura. Candidato eleito do Chega renuncia ao mandato

Dreamstime Jornal i 19/10/2021 18:45

O crime ocorreu na tarde de 8 de outubro, quando as vítimas “viram o veículo de passageiros onde seguiam, adaptado a caravana, ser atingido com disparos de arma de fogo, agressão perpetrada na sequência de contenda ocorrida momentos antes, aparentemente determinada por ódio racial”.

O candidato eleito do Chega na Junta de Freguesia de Póvoa de São Miguel, no concelho de Moura, detido por disparar contra uma família sueca, renunciou ao mandato.

A notícia foi avançada por fonte do partido à Lusa, que se limitou a “adiantar que Vítor Ramalho, candidato eleito pelo Chega nesta junta de freguesia do concelho de Moura, nas autárquicas de 26 de setembro, renunciou ao mandato”, escreve a agência de notícias.

Recorde-se que, no sábado, a Polícia Judiciária revelou que um homem foi detido por “fortes indícios da prática do crime de homicídio qualificado na forma tentada”, no concelho de Moura, sendo as vítimas um casal de cidadãos suecos e os sete filhos menores, com idades entre os onze anos e os três meses.

O crime ocorreu na tarde de 8 de outubro, quando as vítimas “viram o veículo de passageiros onde seguiam, adaptado a caravana, ser atingido com disparos de arma de fogo, agressão perpetrada na sequência de contenda ocorrida momentos antes, aparentemente determinada por ódio racial”.

Ler Mais


×

Pesquise no i

×