23/10/21
 
 
Partex. Pai da 'bazuca' abandona empresa

Partex. Pai da 'bazuca' abandona empresa

Sónia Peres Pinto 24/09/2021 14:18

António Costa e Silva abandonou a presidência da empresa. Escritórios em Lisboa vão fechar. Três dezenas de altos quadros e funcionários ficam sem postos de trabalho no final do ano.

António Costa Silva, responsável pelo programa de relançamento da economia portuguesa – o rosto do Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) – abandonou a administração da Partex, poucos minutos antes dos trabalhadores receberem uma nota da empresa a dizer que ia ser liquidada até ao final do ano. A garantia foi dada por um grupo de trabalhadores ao jornal Nascer do SOL que entretanto avançaram com processos na justiça conta a PTT Exploration and Production (PTTEP), empresa pública tailandesa de exploração e produção de petróleo, com o advogado António Garcia Pereira.

Em causa estão cerca de 30 postos de trabalho altamente qualificados nos escritórios de Lisboa e apenas nove pessoas irão ficar até 31 de março dos recursos humanos e de backoffice para fazer a liquidação. E questionam o timing da saída de António Costa Silva na liderança da empresa. «No mesmo dia em que recebemos o email de despedida do CEO somos confrontados com os emails de despedimento». Contactado pelo Nascer do SOL, o ‘pai da bazuca’ diz que «já não tem nada a ver com a Partex». Mas o grupo de trabalho garante que «com esta saída, Costa Silva em vez de ser réu passa a ser testemunha a favor da PTTEP, ou seja, livrou-se de tudo e mais alguma coisa».

Leia aqui o artigo na íntegra.

Ler Mais


Especiais em Destaque

×

Pesquise no i

×