27/7/21
 
 
Sindicatos e CEO do BCP no Parlamento

Sindicatos e CEO do BCP no Parlamento

Jornal i 21/07/2021 15:16

O BCP prevê a saída de mil trabalhadores através de reformas antecipadas ou rescisões por mútuo acordo (sem acesso a subsídio de desemprego).

Os deputados da Comissão de Trabalho e Segurança Social votaram hoje por unanimidade os requerimentos do PSD para audição aos sindicatos do setor bancário e ao presidente executivo do BCP, Miguel Maya, sobre o processo de redução de trabalhadores.

No requerimento, o PSD refere os “diversos despedimentos coletivos” que estão anunciados no setor bancário, onde assumem “particular relevo os do Banco Santander e do BCP”, considerando, por isso, necessário ouvir os sindicatos para que estes se pronunciem sobre a evolução desta situação e que tal ocorra ainda antes do final desta sessão legislativa.

No dia 13 de julho, os sete sindicatos do setor bancário promoveram em conjunto a realização de uma manifestação em frente à Assembleia da República, contra os despedimentos, deixando em cima da mesa a realização de uma greve nacional. A iniciativa foi inédita por juntar pela primeira vez os vários sindicatos numa ação conjunta.

O BCP prevê a saída de mil trabalhadores através de reformas antecipadas ou rescisões por mútuo acordo (sem acesso a subsídio de desemprego).

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×