26/10/21
 
 
PSP do Porto vai reforçar policiamento na noite de quarta para quinta-feira devido aos festejos do São João

PSP do Porto vai reforçar policiamento na noite de quarta para quinta-feira devido aos festejos do São João

José Sérgio Jornal i 22/06/2021 18:40

A força policial também indica que a Divisão de Trânsito vai intensificar a fiscalização rodoviária nas principais veias de acesso ao Porto e a Vila Nova de Gaia. 

A Polícia de Segurança Pública (PSP) do Porto adianta, esta terça-feira, que vai reforçar o policiamento na noite de São João, de quarta para quinta-feira, e apela ao seguimento das regras sanitárias contra a covid-19.

Segundo um comunicado do Comando Metropolitano do Porto da PSP, recebido pela agência Lusa, a força policial "vai reforçar o policiamento na sua área de responsabilidade, empenhando elementos policiais de diferentes valências, nomeadamente as afetas ao policiamento de proximidade, de forma a garantir as condições especiais e gerais de segurança".

O comando do Porto pede também "a melhor compreensão e colaboração de todos no cumprimento das regras impostas no presente quadro pandémico, acatando e respeitando as indicações dos polícias que estarão ao serviço da comunidade".

No mesmo documento, a PSP indica que a Divisão de Trânsito vai intensificar a fiscalização rodoviária nas principais veias de acesso ao Porto e a Vila Nova de Gaia, na considerada noite mais longa do ano do Porto, devido aos festejos populares de São João.

À semelhança do ano passado, as duas câmaras municipais anunciaram que vão proibir eventos que contribuam para ajuntamentos, como concertos ou fogo-de-artifício.

Ao reforçar as ações de fiscalização preventiva em colaboração com as Polícias Municipais destes concelhos, a PSP do Porto assinala que o objetivo é “assegurar o cumprimento das regras em vigor, nomeadamente a observância dos horários de funcionamento dos estabelecimentos, a utilização de máscara em espaços públicos, bem como impedir as concentrações ou o consumo de bebidas alcoólicas na via pública".

Para ajudar a prevenção das medidas implementadas, "a PSP solicitou aos operadores de transportes públicos [autocarros STCP e metro] que procedessem à redução da oferta de transportes para as cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia", revela no mesmo comunicado.

Recorde-se que a 31 de maio, o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, já tinha assegurado que a pandemia era a causa para os festejos de São João fossem novamente cancelados, sem haver hipótese para concertos na avenida dos Aliados nem fogo-de-artifício.

Já o presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia, Eduardo Vitor Rodrigues, no mesmo momento, avisou que não seriam organizados festejos populares, incluindo também os habituais concertos e o típico fogo-de-artifício.

Eduardo Vitor Rodrigues reiterou esta posição, na segunda-feira, de forma a apelar pelo bom senso da população.

"Apelo às famílias e coletividades que se estão a organizar festas para que cumpram as regras. Voltem para casa cedo e façam as coisas o mais reservadas possível", apontou o presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia, ao frisar o aumento de casos de covid-19 no concelho e no país nas últimas semanas.

Ler Mais


Especiais em Destaque

×

Pesquise no i

×