31/7/21
 
 
Treinador da Hungria: "São jogadores de tal forma bons que o selecionador poderia ser o motorista ou o rapaz dos equipamentos"

Treinador da Hungria: "São jogadores de tal forma bons que o selecionador poderia ser o motorista ou o rapaz dos equipamentos"

AFP Jornal i 14/06/2021 19:04

Durante a antevisão do encontro entre as duas seleções, a contar para o grupo F, Marco Rossi afirmou que “a maior preocupação” dos húngaros “é a linha atacante” da equipa das quinas.

O selecionador de futebol da Hungria, Marco Rossi, elogiou, esta segunda-feira, a qualidade da seleção portuguesa, ao dizer que poderia ser treinada “pelo motorista ou pelo rapaz dos equipamentos”.

“Estamos a falar de uma equipa que é a campeã em título e que ganhou a Liga das Nações. Tem jogadores de craveira mundial, de tal forma bons que o selecionador poderia ser o motorista ou o rapaz dos equipamentos. Se falasse num só jogador, seria um desprimor para os outros", afirmou o técnico italiano na conferência de imprensa.

Durante a antevisão do encontro entre as duas seleções, a contar para o grupo F, Marco Rossi afirmou que “a maior preocupação” dos húngaros “é a linha atacante” da equipa das quinas, uma vez que tem “jogadores de classe mundial, inclusive no banco de suplentes”.

"Temos de jogar como equipa, de forma compacta, fechar os espaços entrelinhas e esperar que, na altura certa, teremos um bocadinho de sorte também. Vamos disputar este jogo como se fosse o último das nossas carreiras", sublinhou, ao indicar que “assinava já” um acordo que permitisse à Hungria vencer o jogo e a Portugal conquistar o Euro2020.

O treinador italiano de 56 anos disse que a sua a equipa está empolgada e desejosa “de representar a Hungria no europeu”, pelo que “se houvesse algum jogador pouco motivado para participar numa competição destas, teria de mudar de carreira”.

Já o capitão da seleção húngara, o avançado Adam Szalai, evidenciou a “importância do jogo inaugural”, num grupo recheado de grandes adversários de respeito, com Portugal, França e Alemanha.

Adam Szalai, na antevisão do jogo, afirmou que “é muito importante entrar com o pé direito num torneio destes”. “Temos de ser rigorosos na defesa e na estratégia, até porque esta equipa de Portugal é mais forte do que a de 2016", frisou o jogador da equipa do campeonato alemão Mainz.

A estreia de Portugal no Euro2020 vai decorrer amanhã, terça-feira, às 17h00, diante dos húngaros, em Budapeste.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×