24/7/21
 
 
António Costa diz que "é necessário que Israel pare imediatamente com os ataques"

António Costa diz que "é necessário que Israel pare imediatamente com os ataques"

José Coelho/Pool/Lusa Jornal i 18/05/2021 14:34

Esta terça-feira à tarde os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia (UE) reúnem-se para discutir a escalada de violência entre Israel e a Palestina.

O primeiro-ministro, António Costa, comentou esta terça-feira, o conflito vivido em Gaza, dizendo que Israel tem de parar “imediatamente” com os bombardeamentos.

“É evidente que todos defendemos um cessar-fogo e, mais do que isso, a criação de condições de convivência entre os povos e Estados. Essa é claramente a posição de Portugal e é necessário que Israel pare imediatamente com estes ataques e que possamos, efetivamente, regressar a um ponto onde o caminho para a paz seja possível e não se agrave este caminho para o conflito”, disse António Costa, antes do início da Cimeira Sobre o Futuro das Economias Africanas, que decorre em Paris, mostrando-se de acordo com a posição expressa por Joe Biden, Presidente dos Estados Unidos.

Note-se que, na segunda-feira, Biden falou com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e expressou o apoio a um cessar-fogo em Gaza.

Esta terça-feira à tarde, os ministros dos Negócios Estrangeiros da UE reúnem-se para discutir a escalada de violência entre Israel e a Palestina, que nos últimos dias já fez mais de 200 mortos. A Amnistia Internacional já pediu para que os estados-membros da UE suspendam o envio de armas.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×