8/5/21
 
 
Justiça francesa investiga jantares secretos de ministros

Justiça francesa investiga jantares secretos de ministros

AFP Jornal i 05/04/2021 21:10

Um jornalista infiltrado deu com gente poderosa a jantar num restaurante de luxo clandestino, entre caviar e champanhe, à revelia das restrições devido à covid-19. 

O Governo francês e uma série de cidadãos abastados estão a ser investigados por quebrar as medidas contra a covid-19, após um repórter infiltrado do canal M6, equipado com uma câmara oculta, filmar um jantar gourmet num restaurante de luxo em Paris, pertencente a um antigo apresentador de televisão. Um dos convivas gabou-se de ter “jantado em dois ou três destes restaurantes clandestinos esta semana, com um certo número de ministros”, desencadeando a investigação judicial, dado todos os cafés e restaurantes franceses terem sido obrigados a fechar em outubro. 

As imagens, de gente poderosa a desfrutar de um repasto - cheio de caviar e champanhe, parte de menus que custavam até 490 euros - dentro do restaurante, cumprimentando-se com beijinhos sem qualquer máscara à vista ou distância de segurança, deixou os franceses furiosos. O caso é investigado dado os convivas terem “posto em perigo a vida de outros”, segundo o procurador responsável, Remy Heitz, que prometeu identificar todos os envolvidos. Já nas redes sociais, a especulação quanto a que ministros terão participado nestes jantares clandestinos está ao rubro.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×