24/05/2022
 
 
Manchester United-Milan. Confronto de diabos nos quintos do inferno

Manchester United-Milan. Confronto de diabos nos quintos do inferno

Afonso de Melo 11/03/2021 23:05

De 1969 até hoje, só por uma vez o United eliminou o Milan. Sobram histórias de um clássico da Taça os Campeões, hoje a valer para a Liga Europa.

São ambos conotados com o diabo. No emblema do United, o Belzebu está lá bem visível, vermelho num fundo amarelo, com um tridente nas mãos. No do Milan, já esteve e já desapareceu, embora os adeptos continuem a apelidar-se orgulhosamente de diavoli. Diz uma das lendas que rodeia o clube milanês que um dos seus fundadores e primeiros jogadores, Herbert Kiplin, que jogava no já desaparecido Internazionale de Torino, ao mudar-se para Milão soltou uma frase bombástica mal terminou o jogo que decidiu o título a favor do Génova, em Abril de 1899: “Questa sarà l’ultima vittoria del Genoa, presto sarò a Milano e li formerò una squadra di veri diavoli che ti darà filo da torcere”. Uma fanfarronada, como qualquer outra, mas que marcou a história do clube. E um dos emblemas do Milan, utilizado entre 1979 e 1986, exibia precisamente um diabo lado a lado com uma estrela representativa dos dez scudettos que tinha somado até à altura.

Hoje, por volta das seis da tarde, Meridiano de Greenwich, em Old Trafford os dois diabos voltam em enfrentar-se num jogo bem mais digno de Liga dos Campeõs do que de Liga Europa, mas essa é  uma questão pela qual apenas ambos são responsáveis, tal a mediocridade em que mergulharam nos últimos anos, com a crise dos milaneses a ser ainda mais profunda do que a dos seus adversários pelo facto de ter raízes num terramoto financeiro que chegou a ter sequelas imprevisíveis. Dois fidalgos em busca de uma antiga opulência, se preferirem.

A história. Os confrontos entre Manchester United e Milan vêm de há muitos, muitos anos. Criosamente, este será o primeiro a não contar para a Taça dos Campeões Europeus ou para a sua sucessora Liga dos Campeões, o que nos leva, mais uma vez a sublinhar a queda destes dois antigos dominadores do futebol na Europa.

O primeiro confronto deu-se na terceira edição da Taça dos Campeões, meias-fianis. Depois de uma derrota confortável e Old Trafford (1-2), os milaneses destruíram os diabos de Manchester em San Siro (4-0) e qualificaram-se para a final frente ao Real Madrid, perdida para os espanhóis, no Estádio do Heysel, em Bruxelas, por 2-3 após o prolongamento. É preciso dizer que, nessa eliminatória, os rapazes de Manchester tinham mais com que se preocuapar. A primeira mão disputou-se a pouco mais de dois meses da tragédia de Munique que desfez praticamente toda a equipa do United, quando regressava de Belgrado após ter defrontado o Estrela Vermelha.

Foram precisos vários anos para que os ingleses lambessem as feridas dessa desgraça. Precisamente uma década mais tarde, reencontraram o Milan outra vez nas meias finais da Taça do Campeões e outra vez os italianos passaram à final (na qual haveriam de atropelar o Ajax por 4-1). A classe de Dennis Law e Bobby Charlton, aliada à agressividade de Nobby Stiles, não chegaram para a elegância de Sormani, Rivera (0-2 e 1-0) e, dessa forma, o detentor do título caía por terra na antecâmara da final.

Passou o tempo. E que tempo foi... Milan e Manchester parecia fugirem um do outro até que, em 2004/05, o sorteio da UEFA resolveu emparelhá-los nos oitavos-de final da LIga dos Campeões. Mais uma vez, os italianos deixaram os ingleses pelo caminho, desta feita com duas vitórias, tanto em Old Trafford  (1-0) como em San Siro (1-0). Diabólico seria o termo apropriado.

A besta negra do United não estava pelos ajustes. em 2006-07,os diabos de Manchester e de Milan encontra-se frente a frene em mais uma meia-final. O espectáculo de Old Trafford foi excitante, com um golo de Ronaldo e dois de Rooney contra dois de Kaká. Em Milão,  os britânicos foram varridos com golos de Kaká, Seedorf e Gillardino. O campeão em título voltava a ficar pelo caminho e o Milan seria campeão dos campeões ao bater o Liverpool na final por 2-1. 2009-10: finalmente avingança.  O United foi ganhar a Itália por 3-2 e goleou em casa por 4-0. Dominaram os infernos. Pela única vez.

Ler Mais

Os comentários estão desactivados.


Especiais em Destaque

iOnline
×

Pesquise no i

×
 


Ver capa em alta resolução

iOnline