13/4/21
 
 
EUA aprovam vacina de dose única da Johnson & Johnson

EUA aprovam vacina de dose única da Johnson & Johnson

AFP Jornal i 28/02/2021 10:56

Segundo os ensaios clínicos finais, a vacina de dose única produzida pela farmacêutica Janssen, do grupo Johnson & Johnson, tem uma eficácia de 85% contra as manifestações mais graves da covid-19.

O regulador norte-americano, FDA na sigla em inglês, aprovou, no sábado, a vacina contra a covid-19 da farmacêutica Johnson & Johnson. É a terceira vacina autorizada nos Estados Unidos, juntando-se às da Pfizer/BioNTech e da Moderna no plano de vacinação.

Há uma diferença entre esta vacina e as outras duas. A vacina da Johnson & Johnson é de dose única, ao contrário das vacinas da Pfizer e da Moderna, que são administradas em duas doses.

A FDA autorizou o uso de emergência da vacina para pessoas com idade a partir dos 18 anos.

Segundo os ensaios clínicos finais, a vacina de dose única produzida pela farmacêutica Janssen, do grupo Johnson & Johnson, mostrou 66% de eficácia contra o coronavírus, contudo é capaz de evitar manifestações mais graves da covid-19, tendo 85% de eficácia nestes casos.

De acordo com os especialistas norte-americanos, além de ser segura e prevenir suficientemente a doença, a vacina da Johnson & Johnson requer apenas uma única dose e não necessita de temperaturas extremas de congelamento para o seu armazenamento, pois pode ser mantida entre 2 e 8 graus Celsius.

Até final de março, os Estados Unidos esperam receber cerca de 20 milhões de doses da vacina.

Biden já reagiu à aprovação da terceira vacina a circular no país. Apesar da boa noticia, o presidente dos Estados Unidos pediu aos americanos para não se baixar a guarda contra a pandemia, que já provocou mais de 500 mil mortos nos EUA.

"Esta é uma ótima notícia para todos os americanos e um passo encorajador nos nossos esforços para acabar com a crise", disse Joe Biden, em comunicado, acrescentando: "Mas não podemos baixar a guarda ou dar como certo que a vitória é inevitável".

A farmacêutica já tem um contrato com a Comissão Europeia, mas falta a aprovação do regulador europeu, que será decidida em principio em março.

A vacina da Janssen consta no plano de vacinação de Portugal.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×