1/12/20
 
 
17 de novembro de 1966. Choveu dinheiro em barda sobre Rossio ao Sul do Tejo!!!

17 de novembro de 1966. Choveu dinheiro em barda sobre Rossio ao Sul do Tejo!!!

Afonso de Melo 17/11/2020 08:37

Dona de fortuna muito considerável, herdeira da Metalúrgica e Fundições de Rossio de Abrantes, fundada pelo marido, Dona Joana Godinho de Soares Mendes foi levada pela Grande Ceifeira, mas deixou milhares e milhares de contos para todos aqueles, velhos e crianças, que viviam sofridamente na terra que sempre amou.

A Grande Ceifeira passou por Rossio ao Sul do Tejo e levou consigo, lá para esse lugar que dizem maravilhoso mas poucos dos vivos querem verdadeiramente conhecer, a sra. D. Joana Godinho Pimenta de Soares Mendes, possuidora de uma fortuna muito considerável, não apenas própria mas também herdada do marido, que partiu deste mundo antes dela, João José Soares Mendes, que fora fundador e proprietário da Metalúrgica e Fundições de Rossio de Abrantes.

Dona Joana atingira a bonita idade de 89 anos. E tinha um coração tão grande que se via aflita para o manter a funcionar devidamente, entalado entre os dois pulmões, se assim me posso exprimir.

Leia o artigo completo na edição impressa do jornal i. Agora também pode receber o jornal em casa ou subscrever a nossa assinatura digital.

Ler Mais


Especiais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×