29/11/20
 
 
Costa diz que estado de calamidade é o "adequado" e rejeita que próximo fim de semana seja "teste" para o Natal

Costa diz que estado de calamidade é o "adequado" e rejeita que próximo fim de semana seja "teste" para o Natal

AFP Jornal i 24/10/2020 13:14

Recorde-se que o Conselho de Ministros aprovou, esta quinta-feira, a limitação de circulação entre concelhos entre 30 de outubro e 3 de novembro.

O primeiro-ministro, António Costa, disse, este sábado, que o estado de calamidade é o "adequado" à situação vivida em Portugal devido à pandemia e negou que as medidas extraordinárias decretadas para o próximo fim de semana sejam um teste para o Natal.

"Acho que o estado de Calamidade é o adequado. Temos de ter consciência que isto não é uma corrida de curto prazo, é uma maratona", disse Costa, em declarações aos jornalistas na Estufa Frias, em Lisboa, depois de ser questionado sobre um possível estado de emergência. O chefe do Governo acrescentou ainda que o Governo está agora "concentrado nas medidas já anunciadas".

Recorde-se que o Conselho de Ministros aprovou, esta quinta-feira, a limitação de circulação entre concelhos entre 30 de outubro e 3 de novembro. Uma proibição que Costa garante que “não é um teste” para o Natal. Também os concelhos de Felgueiras, Lousada e Paços de Ferreira estão sob medidas mais restritivas devido à evolução da pandemia nos concelhos.

Ler Mais


Especiais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×